Conecte-se conosco

Blog Anderson de Jesus

Polícia Rodoviária Federal aciona justiça para liberar rodovias; manifestantes prometem ato por 72 horas

Publicado

em

Ouça esta matéria

A Polícia Rodoviária Federal emitiu uma nota informando que está acionando a Advocacia Geral da União para garantir liminares e com isso permitir que o trânsito possa fluir normalmente. A ação ocorre em todos os estados onde há bloqueio realizado por apoiadores de Bolsonaro.

A PRF informou que “adotou todas as providências para o retorno da normalidade do fluxo” desde ontem. Segundo a corporação, suas equipes estão em locais onde há bloqueios ou aglomerações para negociar a liberação das rodovias, “priorizando o diálogo”. O objetivo, registrou, é garantir “trânsito livre e seguro” e “o direito de manifestação dos cidadãos, como aconteceu em outros protestos”

Em seguida a nota destaca que “A PRF já acionou a AGU para obter interdito proibitório na Justiça Federal e liminarmente garantir pacificamente a fluidez do trânsito”.

Por outro lado os bolsonaristas que protestam desde a noite de ontem, logo após o resultado das eleições, prometem seguir em protesto por pelo menos 72 horas.

Continue Lendo
Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Blog Anderson de Jesus

“Intervenção Militar é um pedido inconstitucional”, afirma Jessé LopesEm

Publicado

em

Ouça esta matéria

Reeleito para seu segundo mandato na Alesc, o deputado Jessé Lopes não esconde a frustração com o resultado do segundo turno das eleições. “Claro que isso frustrou porque era nosso grande objetivo. Trabalhamos para reeleger Bolsonaro. Apesar do outro candidato estar envolvido em casos de corrupção, apesar dele ter sido preso a maioria da população o escolheu. Lamento muito isso”, resume.

Durante entrevista à Massa FM, Jessé explicou porque não tem participado dos protestos. “Atos cívicos, manifestações eu fui a todos. Estes eu não tenho ido porque eles são inconstitucionais. Não vou medir intervenção militar porque não vai acontecer e não vai acontecer porque ela é inconstitucional. Eu entendo a indignação das pessoas, mas não concordo com a pauta”.

Jesse defende sim outras ações. “Uma investigação detalhada das urnas, uma CPI para apurar a atuação do TSE e o impeachment do Alexandre de Moraes são pautas que devem sim ser defendidas. Acredito inclusive que sejam mais viáveis”. O deputado também aguarda por um relatório do Ministério da Defesa. “Se eles verificaram provas consistentes de que houve alguma irregularidade o resultado da eleição pode ser questionado, caso contrário não”.

Continue Lendo

Blog Anderson de Jesus

ACIC e CDL emitem nota contra “Lista Negra” que circula nas redes

Publicado

em

Ouça esta matéria

ACIC e CDL de Criciúma emitiram notas oficialscriticando a edição de uma lista negra que vem circulando pelas redes sociais. A lista, que usa indevidamente o nome da CDL, aponta nomes de profissionais e estabelecimentos que teriam votado no candidato Lula no último domingo e convoca a população para um boicote. A CDL ressalta que incentiva o comércio local e que não apoia boicotes e muito menos a disseminação do ódio

Confira a Nota da CDL

A CDL de Criciúma vem a público informar que pessoas estão usando INDEVIDA e ILEGALMENTE o nome da Entidade para propagar, em redes sociais, principalmente pelo Whatsapp, listas de supostos estabelecimentos comerciais apoiadores desse ou daquele político, alimentando o ódio, a discórdia e o boicote.

A CDL de Criciúma trabalha e investe para apoiar o comércio local e desenvolvimento da cidade. Não faz parte deste movimento discriminatório.

Confira a Nota da ACIC

A Associação Empresarial de Criciúma (Acic), em nome dos seus mais de 1,9 mil associados, vem a público explicitar seu repúdio à propagação de uma suposta lista de empresas apoiadoras de determinados partidos políticos. Empresários associados à entidade estão sofrendo retaliação e calúnias devido a essa lamentável atitude.

A Acic destaca o direito à liberdade de expressão, garantido por lei a todo cidadão, mas não compactua e repudia fortemente a divulgação de informações inverídicas. A entidade reforça seu apoio às empresas, que estimulam a economia com a geração de emprego, renda e riquezas à região.

Continue Lendo

Blog Anderson de Jesus

Após consolidar a Cooperaliança como referência para o estado, presidente trabalha para repetir chapa em 2023

Publicado

em

Ouça esta matéria

Prestes a encerrar seu primeiro mandato como presidente da Cooperaliança, Reginaldo de Jesus trabalha para reeditar a mesma composição do Conselho de Administração que recuperou o fôlego financeiro e competitividade da Cooperativa ao longo dos últimos quatro anos. Nomes como os dos empresários Paulo Silva, Samuel Baldissera e Anselmo Freitas estão bem encaminhados e a tendência é que o mesmo grupo se apresente para dar continuidade ao trabalho. Pelo Estatuto a eleição deve ser realizada entre os meses de janeiro e março e nos bastidores a avaliação é de que a chapa encabeçada por Dede pode ser a única a entrar na disputa.

A atual direção não esconde a satisfação com os números alcançados ao longo dos últimos quatro anos. A Cooperaliança conseguiu modernizar sua estrutura com a implantação de uma nova subestação que ampliou a capacidade e a segurança no fornecimento de energia. “Também reequipamos nossa frota para dar suporte e responder rapidamente as demandas da população”, explica o presidente.

A Cooperativa também ampliou a parceria com os municípios na realização de obras e as suas ações sociais. Através do Fates foram repassados recursos para compra de um tomógrafo para o Hospital São Donato, para suporte da Casa Rosa e para a pavimentação do acesso ao santuário do Sagrado Coração Misericordioso de Deus. “Além de apoio a várias outras entidades sempre com aval dos nossos associados”.

Mas a grande ação, na avaliação do presidente, foi o trabalho de baratear o custo da energia elétrica e também no equilíbrio financeiro da Cooperaliança. “Sabemos que a energia no Brasil é cara. Avançamos com a compra no mercado livre que se tornou referência para as cooperativas de Santa Catarina, trabalhamos na redução dos custos tudo para permitir que nosso associado tenha uma energia mais barata. Hoje, segundo a própria Aneel, estamos entre os menores preços do Brasil e também fomos reconhecidos com um prêmio nacional pela qualidade dos serviços prestados. Além disso, conseguimos alcançar um equilíbrio financeiro e temos hoje uma cooperativa referência e saneada financeriamente. Isso comprova que estamos no caminho certo”, ressalta Dede

Continue Lendo

Blog AJ

Blog AJ

Mais vistos

© Copyright 2007-2022 sulnoticias.com