“Amin é o velho que se renovou”, afirma Márcio Búrigo

“O Amim é o velho que se renovou. Ele está na política há mais de 40 anos e tem um passado e uma história de lisura. Nunca esteve envolvido em nada. E é essa renovação que o eleitor quer”, justifica o ex-prefeito de Criciúma Márcio Búrigo. Presidente do micro diretório regional do PP, ele avaliou o encontro do último sábado na cidade. “Foram mais de 1,5 mil pessoas para prestigiar um evento que foi político, sem passagem, sem comida, nem água demos”, pontua. O PP está fora do governo desde 2002.

Esperidião Amin, de camisa verde amarela e um número 11 abaixo de seu nome esteve em Criciúma sábado e lançou seu nome ao Governo de Santa Catarina. “Tenho que lançar é meu nome. Vice, senado, isso é definição lá para frente. O MDB já tem candidato. Agora é a vez da oposição, que somos nós, se organizar”, disparou.

Gelson Merísio também apareceu. “A composição depende de um conjunto de condições que vai ser definida nas convenções. Sou candidato ao Governo, estamos mantendo o diálogo e é no diálogo que se encontra o melhor caminho”, argumento o Pessedista.

Ato também teve a presença do pré-candidato do DEM João Paulo Kleinubing. Aposta é que podem estar todos juntos no mesmo palanque.