Catarinense deve ter transmissão via Youtube

O presidente da Federação Catarinense de Futebol confirmou nesta manhã, durante entrevista a Rádio Difusora, que a Federação busca alternativas para tentar ampliar a transmissão de jogos, em vídeo, do Estadual 2018. “Estamos buscando acertar a transmissão através dessa outra plataforma. Seriam dois jogos por rodada além desse jogo da TV aberta”, comentou Rubinho, que estaria acertando a contratação de empresa que presta serviços em São Paulo.

Ele também comentou o contrato firmado com a NSC, admitiu que ficou bem abaixo do que os clubes projetavam, mas lembrou. “Não tínhamos alternativa. Ou se fechava ou ficaríamos sem transmissão. Por isso os clubes acabaram acatando a oferta”.

Rubinho disse que espera um grande catarinense, com o tradicional equilíbrio já registrado nos anos anteriores. “Vai ser uma grande competição e equilibrada, como sempre foi o Catarinense. É nisso que apostamos. Já está garantido o jogo único da final e tenho certeza que também vamos ter uma grande participação de público. O ingresso mínimo será de R$ 20, mas acima deste valor a definição de cada confronto fica com os clubes. Também esperamos que o Governador sancione a lei que libera a venda de cerveja e que já seja possível vender a bebida no início da disputa”.