Centra de Castração chega aos seis mil atendimentos

Içara

O Centro de Castração Francisco de Assis, do Governo de Içara, completa quatro anos amanhã, sábado, dia 14. Desde a sua inauguração, foram realizados cerca de seis mil procedimentos. O programa contempla agricultores com bloco de notas, população baixa renda cadastrados no CadÚnico, animais de rua e animais encaminhados pela Ong amigo bicho de Içara. O Centro é coordenado pela Fundação Municipal do Meio Ambiente de Içara (Fundai), e conta com o apoio das secretarias de Agricultura e de Saúde.

“Diante das questões voltadas à saúde animal e também de saúde pública nosso trabalho é fundamental para a cidade, pois com a castração, garantimos aos animais a prevenção de diversas doenças”, enaltece a superintendente da Fundação do Meio Ambiente de Içara (FUNDAI), Taynan Toretti.

O espaço, localizado no Horto Municipal, na comunidade de Segunda Linha, oferece atendimento para os animais em dias diversificados. Na segunda-feira, o atendimento é exclusivo para os animais de rua; na terça-feira, para os animais dos agricultores; na quarta-feira aos animais das Organizações não Governamentais (ONGS) registradas na cidade; na quinta-feira, para os animais dos registrados no Cadastro Único (Cad); e na sexta-feira o expediente é interno, para higienização adequada do local. 

“A castração traz inúmeros benefícios como a redução da superpopulação de cães e gatos e traz qualidade de vida para o animal. Castrar é um ato de amor, porém somente a castração não evita o abandono. As campanhas devem ser associadas à conscientização e posse responsável evitando assim o número de animais abandonados”, destaca a médica veterinária e responsável técnica Gabriela Gaspar. 

O procedimento de castração é realizado por meio de técnica minimamente invasiva e traz diversos benefícios aos animais. “A castração reduz a chance de tumores de mama, útero e ovários assim como infecção de útero nas fêmeas. Também reduz chance de tumor de próstata e evita o tumor de testículos, diminui o hábito de marcar território nos machos, prolongando a vida dos bichinhos”, explica a veterinária. 

Benefícios para toda a população 

Com menos animais nas ruas, há diminuição de acidentes de trânsito, mordidas, transmissão de doenças e também erradicação de infestações de pulgas e carrapatos em terrenos baldios.  

O agendamento para o procedimento é feito de segunda a sexta-feira, das 7 às 13h,  horário que estará em vigor a partir de segunda-feira, dia 16 até o dia 14 de fevereiro.  Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 3431-3581, na Fundai.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *