Choque elétrico mata jornalista Tadeu Spilere

O jornalista Tadeu Spilere morreu nesta tarde de domingo (14) no Balneário Rincão enquanto participava de uma confraternização. O jovem de 33 anos se refrescava na piscina quando saiu para se juntar a banda. No momento em que tocou no microfone ele acabou recebendo uma forte descarga elétrica.

Morador do Distrito do Caravaggio, ele chegou a ser socorrido, mas já estava sem vida quando deu entrada no Hospital São Donato.  Spilere tinha passagens pela Ápice Comunicação, Jornal da Manhã e Assessoria de Imprensa da Câmara de Nova Veneza.