Colégio Militar mais próximo de se tornar realidade em Criciúma

Comandante do 9º Batalhão, Coronel Evandro Evandro Fraga confirmou nesta manhã que a região Carbonífera está muito próxima de ganhar um colégio Militar. O Pedido já foi feito no ano passado, mas acabou não vingando. Agora remodelado, o projeto voltou as mãos do Governo do Estado e as chances, lembra o comandante, melhoraram.

“E esse ano conseguimos mandar um projeto bem mais estruturado. Agora aguardamos a confirmação do Estado. A decisão é política. Estamos muito confiantes porque esse é um pedido de toda a região que quer um colégio com o desempenho que o Colégio da PM Catarinense tem obtido”, explica o comandante.

Segundo ele, o Colégio será implantado em Criciúma com duas turmas de 6ºs anos e gradativamente chegará até o ensino médio. Cada turma tem um avaliador militar que irá acompanhar desempenho e disciplina dos alunos. A escolha dos estudantes será via sorteio. “O local ainda não está definido, mas pode ser uma destas escolas que o Estado já fez menção de fechar por queda na demanda. Cada turma terá Militar Estadual (PM ou BM), que exercerá a função de Monitor, que acompanhará o desenvolvimento dos alunos, procurando orientá-los para o seu crescimento gradual e individual em cada disciplina. Inicialmente, o processo de ingresso ao Colégio Policial Militar será por sorteio, entre filhos de Militares Estaduais e da comunidade em geral. Para ilustrar, em Lages, Joinville e Blumenau, atualmente, “28% das vagas são preenchidas por filhos de Militares Estaduais e os demais integrantes comunidade em geral”, detalha

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *