Cras Santa Luzia distribui 350 máscaras às Instituições de Longa Permanência

Criciúma

Os profissionais do Centro de Referência de Assistência Social (Cras) do bairro Santa Luzia, perceberam a necessidade da distribuição de máscaras aos usuários, que recorriam ao equipamento sem a devida proteção. Com resultados positivos obtidos por meio de voluntários e empresas de confecções que disponibilizaram máquinas de costura, o Cras ampliou a doação para às Instituições de Longa Permanência (ILPIs) do território. As produções iniciaram no dia 28 de abril e até o momento, 700 unidades já foram confeccionadas.

“Resolvemos ampliar esse trabalho para suprir ainda mais a necessidade do nosso território. Vamos continuar atendendo e produzindo as máscaras enquanto durar a pandemia”, disse a assistente social do Cras Santa Luzia, Eliene Miranda Motta.

Ao todo, 350 unidades serão distribuídas às ILPIs. O Cantinho do Idoso, do bairro Mineira Nova e a Associação da Terceira Idade Rede Viva, do bairro Mineira Velha já foram contemplados. Nesta quarta-feira (20), é a vez da Casa Lar Especial Valente de Davi, do bairro Jardim União, Casa de Repouso Vida Nova, do bairro Santa Luzia, Lar de Auxílio aos Idosos Feistauer, do bairro Jardim Angélica e o Centro de Atenção Psicossocial (Caps), do bairro Santa Luzia.

“Assim como as demais equipes dos Cras, os profissionais do território da Santa luzia vêm tentando se adaptar à nova realidade que estamos vivendo. Entendemos que essa iniciativa é muito importante e que a Secretaria da Assistência Social e Habitação precisa colaborar naquilo que for possível”, comentou a secretária municipal da Assistência Social e Habitação de Criciúma, Patrícia Vedana Marques.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *