Criciúma terá mais de 1600 vagas de estacionamento para carros e motos

Criciúma

Anualmente, Criciúma recebe uma média de 6 mil novos carros, com tendência de crescimento no percentual de novos emplacamentos para os próximos anos.

     Em 2018, o número foi um pouco maior, 7155 novos carros. No ano 2019, até outubro; foram emplacados 6078 carros na cidade. Fazendo um comparativo com o mesmo período do ano passado, houve um aumento de 8,0 %.

Para comportar toda esta demanda, é preciso um sistema de trânsito adequado, bem como locais apropriados para absorver estes veículos quando os mesmos, precisam de estacionamento.

     Após inúmeros estudos e pesquisas, os investidores do Santa Vita Saúde Center – empreendimento destinado à área da saúde, que tem data prevista para inaugurar em cinco anos; idealizaram um projeto que pudesse conter um número significativo de vagas de estacionamentos. Serão 1443 vagas para carros, 169 para motos e 26 para bicicletas.

“O projeto do Santa Vita surgiu primeiramente para servir a população como um edifício garagem. Somos deficitários neste quesito em Criciúma. Posteriormente em reuniões multidisciplinares, foram agregados os demais setores do empreendimento como a inclusão da praça elevada, andar de convenções e diversos outros serviços, fazendo com que o projeto se tornasse esta grande obra. As vagas de estacionamento vão contribuir para facilitar o fluxo de veículos, pois boa parte da lentidão é causada pela grande procura e baixa oferta de espaços. Isto ocasiona a circulação de um mesmo veículo por diversas vezes no entorno do hospital em velocidade reduzida”, enfatiza Nestor Nuernberg Filho, gestão de vendas do Santa Vita Saúde Center.

     Outro fator relevante, será o espaço exclusivo para 16 ambulâncias e vans. Atualmente a estrutura para estes veículos é deficitária e tem o agravante de ficarem expostos ao tempo. “Nossa cidade recebe todos os dias usuários vindos de outras regiões para atendimento e tratamento, principalmente no Hospital São José. São pessoas que geralmente estão com a saúde debilitada, com problemas de mobilidade e acessibilidade. Um dos nossos objetivos, é oferecer uma estrutura humanizada onde o veículo fique à sombra, livre de chuva, calor e vento, e que se tenha facilidade no deslocamento e conforto oferecendo elevadores, poltronas, atendentes treinados e recursos para aqueles que tenham algum tipo de deficiência”, pontua Edilando de Moraes um dos responsáveis pelo projeto do Santa Vita Saúde Center.

     O Santa Vita Saúde Center terá 31 andares, e toda sua obra contará com diferencias importantes para dar suporte no atendimento em saúde da região.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *