Criminosos tentam aplicar golpe no Governo de Içara

Alegando suposto acidente, golpistas pedem dinheiro para transporte de falsas vítimas

A administração municipal de Içara foi alvo de golpistas durante esta tarde de sábado. Um homem se dizendo funcionário de uma funerária de Campo Grande, capital do Mato Grosso do Sul, entrou em contato pedindo dinheiro. O objetivo era garantir o transporte para tio e sobrinha, supostamente sobreviventes de um acidente de trânsito. Por muito pouco, o bando não embolsa 800 reais.

O primeiro contato dos criminosos foi feito com o Hospital São Donato. Da instituição, o contato foi transferido para a Secretaria de Saúde, depois para a secretaria de Assistência Social e em seguida a Funcionária Sunamita Carvalho, que recebeu a incumbência de prestar o atendimento.

Do outro lado da linha um homem relatava que um acidente de trânsito havia vitimado um casal morador do bairro Cristo Rei. No mesmo acidente, a filha do casal, de sete anos, e um tio haviam sobrevivido. “Eles davam dados da cidade, nome do prefeito, de vereadores e um homem chorando, que seria o tio, pedia para depositar dinheiro porque eles não tinham como voltar. Quanto aos corpos, eles sabiam exatamente como funcionava o procedimento. Citaram o convênio com o município para o translado. Tudo muito convincente”, explica Sunamita.

Para agilizar o processo, a própria funcionária transferiu de sua conta particular o recurso. Neste momento, desconfiada resolveu checar. Ligou para o Hospital de Campo Grande, para a Santa Casa, procurou a tal funerária e em seguida acionou a Polícia Civil. “Minutos depois o policial me retornou e confirmou que era golpe, que nenhum acidente ocorrera e que a suposta vítima era uma moradora de Campo Grande. O dinheiro só não será perdido porque o gerente da Caixa conseguiu sustar a transferência. Vale de alerta, porque provavelmente, outras cidades devem ser alvo deste mesmo esquema”, conta Sunamita.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *