Definidos os eleitos do Câmara Mirim 2018

Ocorreu nesta sexta-feira, 20, a eleição do Projeto Câmara Mirim, no Plenário da Câmara de Vereadores de Criciúma. Durante o encontro, foram divulgados os nomes dos vereadores mirins que irão participar do projeto ao longo deste ano. No total, treze escolas foram inscritas, com a participação de 52 candidatos e aproximadamente 4.200 eleitores. A eleição foi auditada pelo Instituto de Pesquisa Catarinense (IPC).

“É um projeto totalmente pedagógico, aonde há inclusão desses jovens. São lideranças que começamos a formar, desde muito cedo. Esses jovens que serão formados terão um ano como vereador mirim e irão apontar problemas e soluções para sua comunidade e escolas. Estamos na quarta edição, e esperamos que continue por muito tempo”, afirma o presidente do Legislativo, vereador Julio Colombo (PSB).

A vereadora Geovana Benedet Zanette (PSDB), que este ano é responsável pelo projeto, agradeceu o empenho das instituições e dos funcionários do Poder Legislativo. “Foram três dias bastante intensos com participação maciça dos funcionários da Câmara e o entusiasmo dos candidatos e dos professores que acreditam nesta ideia. Inclusive, durante a apuração, tivemos a presença de professores e candidatos”, disse.

“Foi muito legal quando falaram meu nome, fiquei mais tranquila. Uma das causas que vou trazer é a melhora na segurança do terminal do Pinheirinho”, afirma a vereadora eleita do Colégio Unesc, Yasmin Manenti, de 12 anos. Yasmin conta que resolveu se candidatar por gostar de política.

O pequeno Daniel da Silva Rodrigues, de 10 anos, da Escola Professor Francisco Skrabski, pretende apresentar propostas para a cobertura da quadra e reforma dos banheiros da escola. “Fiquei feliz e nervoso ao mesmo tempo. Sempre fui muito participativo na escola e na igreja”, conta o estudante.

A aluna Maria Clara Ronssoni da Silva, da Satc, foi a vereadora mais votada com 369 votos. A 17ª vaga será preenchida por um aluno com deficiência, indicado pela escola que obteve maior índice de participação, neste caso, a E.M.E.I.E.F. Augusto Pavei, do Bairro São Domingos. “Caso essa instituição não possua um estudante deficiente, a escola subsequente na classificação ganha esse direito. A indicação deve ocorrer ainda na próxima semana”, finalizou a coordenadora do projeto, Amanda Michelon. A diplomação e posse será realizada dia 9 de maio.

 

Eleitos:

E.M.E.I.E.F. Augusto Pavei – Rafael Monteiro Nazario – 20 votos

E.M.E.I.E.F. Augusto Pavei – Gabriel Soares Nascimento – 17 votos

Colégio Rogacionista Pio XII – Luiz Fernando Macarini Becker – 82 votos

Colégio Rogacionista Pio XII – Ana Luiza Vitali – 64 votos

Colégio Unesc – André Manoel Nogueira Alves Albano – 64 votos

Colégio Unesc – Yasmin Manenti – 61 votos

SATC – Maria Clara Ronsoni da Silva – 369 votos

E.M.E.I.E.F. Pascoal Meller – Emanuel Antunes Roque – 176 votos

E.M.E.F. José Rosso – Ana Flávia Ghedin Rosso – 106 votos

E.M. E.F. Prof. Francisco Skrabski – Daniel da Silva Rodrigues – 63 votos

E.M.E.I.E.F. Pe. Paulo Petruzzellis – Luiz Kauê Feliciano Candido – 234 votos

E.M.E.I.E.F. Profª. Maria de Lourdes Carneiro – Davi Correa da Silva – 68 votos

E.M.E.I.E.F José Contim Portella – João Gustavo Pereira Pedroso – 90 votos

E.E.B. Irmã Edviges – Ana Clara Batista Stecanella – 162 votos

E.M.E.F. Erico Nonnenmacher – Diógenes Rafael Gomes – 171 votos

E.E.B. Rubens de Arruda Ramos – Marilia Gabriela Fernandes Rodrigues – 37 votos

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *