Dieese diz que salário mínimo deveria ser de R$ 3,7 mil

Brasileiros deveriam ganhar, no mínimo  R$ 3,727,19 por mês para manter uma família de quatro pessoas. Ou seja, quase quatro vezes o valor do salário mínimo atual. Foi o que mostrou o levantamento do Dieese sobre o preço da cesta básica e os valores dos salários dos brasileiros.

O levantamento leva em consideração, além do preço da cesta básica, o fato de que, segundo a constituição, o salário mínimo deve ser suficiente para suprir as despesas de um trabalhador e da família dele. Isso com alimentação, moradia, saúde, educação, vestuário, higiene, transporte, lazer e previdência incluídos.

Em maio, com a alta nos alimentos, o valor do salário mínimo deveria ser ainda maior: quase 3,9 mil reais.

O valor da cesta básica, ou seja, da lista de alimentos essenciais para os brasileiros diminuiu em 23 capitais e aumentou em outras quatro. Fortaleza, Macapá, São Luís e Rio Branco tiveram alta nos preços dos alimentos da cesta. E a lista de alimentos mais cara é encontrada em Porto Alegre, no valor de RS 443, 66.

A baixa no valor da cesta foi principalmente por causa da redução de preços do tomate, da batata, da banana, do óleo de soja, da carne bovina de primeira e do arroz na maior parte das cidades.