Eduardo Moreira assume o Governo de Santa Catarina

Com o Centrosul completamente lotado, Eduardo Moreira (MDB) assumiu nesta sexta-feira o Governo de Santa Catarina. Ele fica no cargo pelos próximos 10 meses e deve fazer um governo marcado pela contenção de gastos. Eduardo quer fazer mais com menos. Foi nessa linha meio choque de gestão que Eduardo Moreira trilhou seu discurso de posse. Disse que é preciso apertar as contas, economizar ao máximo e fazer parcerias. “As prioridades serão na saúde e na Segurança. Santa Catarina melhorou muito nos últimos15 anos. Nunca deixamos faltar nada em serviço público. Temos a melhor qualidade de vida, a maior expectativa de vida. Somos um pequeno estado que é exemplo para o país. Estou pronto para me lançar ao mar em busca de novos desafios”.

Eduardo não falou abertamente em ser candidato, mas para as lideranças do Sul é o momento. Não houve um único representante da região que não ressaltasse o momento ímpar para o Sul e destacasse a chance da região de recuperar o terreno perdido com um Governador efetivo por quatro anos. Já há até uma aposta de chapa com Eduardo e Napoleão Bernardes (PSDB). Mauro Mariani, hoje o nome do MDB ao Governo, afirmou que as aspirações são naturais. “Esse é o MDB, um partido com grandes nomes. O pleito das lideranças do Sul é legítimo. O Eduardo é um grande líder, tem a simpatia e o respeito do partido e esse ato de hoje, pela sua força também cria esse clima todo”.

Na despedida, Colombo prestou conta dos anos a frente do governo e não esqueceu de trocar gentilezas com seu substituto. “Fiz o que pude, colocamos as pessoas em primeiro Lugar. Combati o bom combate e deixo o governo de forma tranquila, nas mãos do experiente e competente Eduardo”. Colombo terminou agradecendo a equipe e ressaltando a figura de Luiz Henrique da Silveira arrancando aplausos dos emedebistas.