Escolas têm até sexta-feira para se inscreverem no projeto Câmara Mirim

Criciúma

Dados recentes revelam o desinteresse de grande parte dos jovens pela política. Nos mais de cinco mil municípios brasileiros, apenas 137 elegeram prefeitos com menos de 30 anos na última eleição. Buscando promover a integração entre a Câmara de Vereadores e a escola, e estimular o espírito de liderança, contribuindo para a participação política dos jovens, o Legislativo de Criciúma, desde 2015, desenvolve o projeto Câmara Mirim.

As inscrições das escolas interessadas em participar da 6ª edição do projeto encerram na próxima sexta-feira, dia 11 de outubro. O objetivo do projeto, destinado a alunos do 4º ao 7º ano do Ensino Fundamental, com no máximo 15 anos na data designada para a eleição, é permitir aos estudantes entender o papel do Legislativo Municipal. 

Todas as escolas das redes públicas e particular podem inscrever-se e indicar candidatos para disputarem a uma vaga. “O projeto é a oportunidade de 17 jovens, no meio desses mais de 200 mil habitantes, poderem estar atuando efetivamente como vereadores mirins, apresentando requerimentos e discutindo sobre as coisas que acontecem no dia-a-dia da cidade”, pontuou o vereador responsável, Aldinei Potelecki (Republicanos).

O programa será composto por 17 vereadores mirins, escolhidos através de uma eleição entre as escolas inscritas. Será assegurada a reserva de uma cadeira de cada sessão para alunos deficientes. Eleitos e diplomados, os vereadores mirins poderão apresentar propostas e defender as suas ideias por meio de requerimentos e indicações.

“Durante o mandato os mirins desenvolvem muitas habilidades. Melhoram suas oratórias, aprendem a falar em público, alimentam seu lado crítico, buscando soluções para problemas das suas escolas e comunidades”, pontuou Fabíola Perucchi, coordenadora do projeto.

Uma vez ao mês os alunos farão o papel de legisladores mirins nas Sessões Ordinárias que serão compostas de três partes: Expediente, Horário Político e Grande Expediente.

Do dia 18 a 25 de outubro serão registradas as candidaturas dos alunos que concorrerão ao pleito. As eleições acontecem nos dias 06, 07 e 08 de novembro de 2019 com apuração no último dia de votação. O IPC (Instituto de Pesquisas Catarinense) fará a apuração dos votos, que ocorre no Legislativo. Podem votar os estudantes do 2º ao 9º anos do ensino fundamental.

Os 17 novos vereadores tomam posse em fevereiro de 2020 e iniciam o trabalho no Legislativo com primeira sessão em março. Interessados poderão entrar em contato com a Câmara para obter mais informações sobre o procedimento, através do telefone 3431-2231 com a coordenadora do projeto. Mais informações também estão expostas no site do Legislativo: camaracriciuma.sc.gov.br.

Cronograma:

Inscrição das escolas: 02 de setembro a 11 de outubro de 2019
Registro das candidaturas: até 18 de outubro de 2019
Inscrição dos eleitores: até 25 de outubro de 2019
Eleições: 06, 07 e 08 de novembro de 2019
Apuração: 08 de novembro de 2019
Capacitação e posse dos eleitos: fevereiro de 2020.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *