Esculturas do Paredão passam por limpeza e manutenção

Orleans

Nesta quarta-feira, 15, as Esculturas do Paredão passaram por mais um processo de manutenção e preservação das obras. A iniciativa é uma parceria do Centro Universitário Barriga Verde – Unibave e a Prefeitura Municipal de Orleans, por meio do departamento de Turismo.

O projeto de conservação e preservação das Esculturas do Paredão foi criado em 2016 pelo Unibave. Desde então, todos os anos a obra esculpida pelo artista orleanense, José Fernandes, popular Zé Diabo, passa pelo processo de manutenção com a aplicação de produtos para controlar o crescimento da vegetação, líquens e fungos, fatores de degradação da obra.

Para a realização do trabalho, a Prefeitura de Orleans solicitou o fechamento da rua e disponibilizou um caminhão com guindaste, já o Unibave disponibiliza um plano de trabalho, mão de obra especializada em conservação e produtos para realização da limpeza e manutenção da obra.

Conheça a obra

As Esculturas do Paredão, localizam-se nas margens do Rio Tubarão na Rua Ethienne Stawiarski, em Orleans. É um conjunto de painéis esculpidos na rocha, que variam entre 3 metros a 10 metros quadrados, esculpidas nos anos 1980, por José Fernandes. Cada painel traz a representação de uma passagem bíblica: Primeira Missa no Brasil, Catequese dos índios, Criação do Homem, Sacrifício de Abraão, Passagem do Mar Vermelho, Templo de Rei Salomão, Dois últimos Profetas do Antigo Testamento, Anunciação e Nascimento de Cristo. A obra foi esculpida pelo artista, contratado pela instituição e a visitação é gratuita ao público.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *