Gôndola em Nova Veneza vai ganhar novo trapiche

Com a preocupação da segurança dos neovenezianos e visitantes que visitam a gôndola, um dos principais atrativos turísticos de Nova Veneza, o trapiche de acesso será reconstruído a partir do dia 13 de agosto. A embarcação ficará fechada para visitação até o dia 18 de agosto.

A ordem de serviço orçada em aproximadamente R$ 25 mil reais foi assinada com a empresa vencedora da licitação, com a Construtora Schmoeller e Cia Ltda-ME.

De acordo com a engenheira responsável pela obra, Amanda Ugioni Sachet, a obra vai ser feita de segunda a sexta para não parar o movimento. “O trapiche vai ser todo modificado, iremos retirar o que está e construir um novo”, afirmou.

O prefeito Rogério Frigo ressalta que o patrimônio público precisa ser preservado. “Nós projetamos essa obra para a segurança dos pedestres e visando o cuidado com a embarcação que é um ícone do turismo”, relatou.

Histórico da embarcação

A gôndola Lucille chegou a lago artificial em 05 novembro de 2006, localizado na praça Humberto Bortoluzzi. Com 10, 75 metros de comprimento e 600 quilos, a embarcação é construída de forma artesanal, a peça impressiona pela riqueza de detalhes. Possui formação alongada e de cor preta, fundo chato e extremidades acentuadamente elevadas e projetadas para frente. Ela é composta de 280 peças. Mogno, cerejeira, larice, abeto, tília, olmo e cornizo são as espécies de madeira utilizadas na confecção, totalmente artesanal.