Homem tem olhos e língua arrancados em Jaguaruna

Polícia Civil trabalha para tentar identificar o responsável por um homicídio repleto de requintes de crueldade registrado na cidade. A vítima, um homem com 1,65m e idade aproximada de 40 anos foi encontrado durante esta terça-feira. Ele estava próximo a um quiosque na região do Balneário Arroio Corrente, o principal do município. A suspeita é que o corpo já estava alia havia alguns dias. A vítima teve os olhos e a língua arrancados pelo assassino. Exames vão identificar se a mutilação ocorreu antes ou depois da morte da vítima.

De acordo com o delegado da Divisão de Investigações Criminais (DIC) de Tubarão, William Cezar Salles, o homem aparenta ter entre 35 e 40 anos. “O corpo foi localizado atrás de um quiosque e, ao que tudo indica, estava no local há alguns dias, pois se apresentava em estado de decomposição”, informa.

Ainda segundo William, pelo ferimento apresentado, tudo indica que se trata de homicídio. “As investigações iniciaram logo após o encontro do corpo. Não havia nenhuma identificação junto ao homem, o que impossibilitou que fosse descoberto seu nome e outras informações”, detalha o delegado.

Com informações do Diário do Sul

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *