Macaco morto e alerta contra Febre Amarela na região

Urussanga

Morte de macaco em Urussanga eleva o alerta sobre a febre amarela na região. “Lamentavelmente não conseguimos fazer a coleta porque ele estava morto havia vários dias. O homem que fez a comunicação a Regional de Saúde informou que outros três animais já haviam morrido em semanas anteriores. Em função disso fica o alerta para a vacinação da população”, argumenta o gerente regional de Saúde, Fernando de Faveri.

Mesmo com todo alerta feito na região ainda existem 120 mil pessoas que não foram imunizadas na região. “Alertamos para que todos acima dos nove meses até os 59 anos tomem as doses. Agora vamos fazer o trabalho de vacinação casa a a casa em Urussanga e seguir alertando sobre a necessidade da vacinação”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *