Menino de sete anos é vítima de abuso sexual em Içara

Crime foi cometido pelo vizinho da família. Ele já está no presídio

 

Um menino de apenas sete anos foi vítima de violência sexual neste domingo em Içara. O responsável pelo crime foi o vizinho da criança. O acusado, R.J. I,  39 anos,  criou uma história fantasiosa para arrastar o garoto até sua casa. Depois do crime ele deu dois reais a criança e pediu que ela não falasse sobre o ocorrido. O homem foi levado a DP e em seguida ao Presídio Santa Augusta.

Segundo relato do pai do menino, pouco antes do meio dia deste domingo o acusado o procurou. Ele pediu que a família tomasse cuidado porque naquele ponto a água não seria potável. Morador novo da comunidade, o pai do garoto acreditou e pediu que o filho fosse a casa do acusado para pegar água.

A criança demorou para retornar. Quando voltou se escondeu embaixo do cobertor. Questionado pelo pai, o menino se abriu. Ele relatou que o vizinho lhe tirou a roupa e em seguida esfregou seu pênis pelo corpo da criança. Depois ele entregou dois reais a criança e pediu que ela não contasse aos pais.