Morre técnico do primeiro título estadual do Criciúma

A direção do Criciúma decretou luto de três dias e colocou seu tradicional bandeirão a meio mastro. A ação é uma homenagem a memória de José Carlos Bernardo, o Zé Carlos. Foi ele que comandou o Criciúma a seu primeiro título estadual em 1986, acabando com uma hegemonia do Joinville. A causa da morte não foi divulgada pela Família, mas Zé Carlos vinha sofrendo com problemas decorrentes de um AVC.

Como jogador, Zé Carlos construiu sua carreira no Cruzeiro. No time mineiro ele foi nove vezes campeão estadual e garantiu ainda uma Taça Brasil (1966) e uma Taça Libertadores da América (1976). No Tigre comandou um time que tinha a missão de acabar com a sequência de títulos do Joinville. O título veio com uma vitória de 2 a 0 sobre o Jec, com dois gols de Jorge Veras.