Professora da Unesc recebe prêmio nacional Para Mulheres na Ciência

Criciúma

A Unesc subiu ao palco do 14º Para Mulheres na Ciência, prêmio concedido pela L’Oréal Brasil, em parceria com a Unesco e a ABC (Academia Brasileira de Ciências) para pesquisadoras brasileiras de destaque. A entrega da premiação ocorreu na última semana no Rio de Janeiro, e teve a professora doutora Josiane Budni representando a Universidade e Santa Catarina. Esta é a quinta vez que a Unesc tem uma profissional reconhecida.

A professora do PPGCS (Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde) e coordenadora adjunta do curso de Biomedicina da Unesc esteve entre as sete jovens pesquisadoras laureadas pelo programa, que reconhece e incentiva o trabalho realizado por mulheres cientistas de todo o país. Além de ser a única pesquisadora catarinense a receber o prêmio, Josiane foi a única representante de uma Universidade Comunitária. Com exceção de sua professora, todas as outras pesquisadoras premiadas são de universidades federais ou estaduais brasileiras.

Josiane e as demais vencedoras receberam cada uma, bolsa-auxílio de R$ 50 mil para ser utilizada em um período de dois anos no desenvolvimento de pesquisa aprovado pela comissão julgadora do projeto, composta por 16 profissionais renomados no campo da ciência.

Na cerimônia de entrega da premiação, foram destacadas questões relevantes sobre o ambiente acadêmico, entre elas a desigualdade de gênero e a importância de se investir na área científica, assim como promover mais acesso a meninas e mulheres. A solenidade teve a presença do presidente da L’Oréal Brasil, An Verhulst-Santos, da representante da Unesco no país, Marlova Noleto e do presidente da ABC, Luiz Davidovich.

“Foi indescritível. Inesquecível! Poder conhecer autoridades na área da ciência e das entidades que realizam o Para Mulheres na Ciência, conversar com os avaliadores, conhecer pesquisadoras de todo o pais e ganhar o prêmio foi um presente. Um reconhecimento gigantesco. É muito gratificante representar tantas mulheres cientistas e ver o trabalho reconhecido. Isso dá a convicção que estamos trilhando o caminho certo para fazer um diferencial na ciência”, afirma a professora.

Josiane Budni é graduada em Farmácia e em Análises Clínicas, possui mestrado em Neurociências, doutorado em Bioquímica pela UFSC e pós-doutorado em Ciências da Saúde pela Unesc. Na Unesc, ela é docente do PPGCS (Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde), pesquisadora do Laboratório de Neurologia Experimental e coordenadora adjunta do curso de Biomedicina. É coordenadora do grupo de pesquisa em doenças neurodegenerativas que estuda o envelhecimento e a doença de Alzheimer.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *