Sábado de inaugurações em Içara

Içara

Casas de palha deram nome à conhecida localidade içarense, a Rua da Palha, hoje Vila São José, que abrigou os primeiros colonizadores de Içara na década de 50. Anos mais tarde, a Rua da Palha foi transformada na Rodovia ICR-253, homenageando o içarense Afonso Moisés Bitencourt, por autoria da vereadora Iara Amandio Martinez. A Rodovia contempla também a comunidade de Segunda Linha. Afonso era caminhoneiro, depois virou motorista da prefeitura, jogou no antigo Barão do Rio Branco e foi candidato a vereador. Tinha uma vida pública muito ativa, auxiliando os moradores da comunidade.

Ao longo desses últimos anos, as comunidades com poucos moradores cresceram e ganharão no sábado, dia 22, aproximadamente cinco quilômetros de asfalto, com ciclovia e espaço para peregrinação.  A obra, no valor de R$ 5,9 milhões, é um investimento do Governo do Estado e fortalecerá ainda mais a agricultura e o turismo rural e religioso no município.

Fotos – João Gabriel/PMI

 “Nós não esperávamos que essa região se desenvolveria tanto. Ver tudo pavimentado nos traz muitas alegrias e sabemos que nosso pai também deve estar muito feliz”, destacou o professor Jairo Bitencourt, um dos filhos de Afonso.  Afonso também construiu o primeiro salão da comunidade, onde eram realizadas as missas, já que na época ainda não havia igreja no bairro. No local, também ocorriam os bailes e encontros dos Clubes de Mães. “Nossa família tinha uma participação social muito importante, nossos pais tinham laços com todos os moradores, e sempre buscamos uma forma de preservar isto”, colocou João Bitencourt, filho de Afonso.

O agricultor Tarcísio Custódio, que dedicou toda sua vida a agricultura e hoje é aposentado, mora há mais de 40 anos no local e não imaginou que veria a obra se tornar realidade. “Não esperávamos. Vimos as notícias, mas só acreditamos quando vimos as obras avançando, foi  uma grande surpresa. Estamos todos muito gratos”, falou.

A obra, que inicia na comunidade de Vila São José, na rótula da SC-445, segue até a comunidade de Morro Bonito, em Criciúma. “É um projeto de infraestrutura pensado nos que circulam pela via de carro, a pé e de bicicleta”, destacou o secretário de Planejamento e Desenvolvimento Urbano Arnaldo Lodetti Júnior.

Benefícios para toda a comunidade

Na Terceira Linha, a ICR-357, Rodovia Domingos João Ghislon, a realidade não é diferente. A obra aguardada há mais de 20 anos, compreende quase dois quilômetros. O investimento do Estado foi de R$ 900 mil.

Carolina Colle, de 96 anos, foi uma das primeiras moradoras da localidade e desbravou a região. Ela morava em uma casa de chão batido e lembra que muitos jovens de outras comunidades se mudavam para a Terceira Linha em busca de trabalho nas mineradoras. “Matei muitos animais peçonhentos. Tínhamos muito mato aqui nessa região. Hoje temos o privilégio de morar num lugar onde a natureza ainda é preservada, e agora temos um acesso de qualidade”, falou a moradora.

A Rodovia Domingos João Ghislon também homenageia um dos primeiros moradores, que tinha participação ativa na vida comunitária. O trajeto é bastante movimentado, pois todo o escoamento de produção da Barra velha, no Balneário Rincão até o Centro de Içara, percorre o trajeto da comunidade içarense. “Com a inauguração da Via-Rápida o movimento aumentou significativamente, e, consequentemente, a poeira também. Passávamos muito trabalho, pois era muita poeira nas roupas recém-estendidas das nossas famílias. Com a pavimentação agora temos qualidade de vida”, destacou o morador Luis Gislon, sobrinho em segundo grau de Domingos João Ghislon.

“Ano que vem teremos ampliação da escola, com novos pavimentos, quadra, entre outras melhorias. O desenvolvimento chegou ao interior e nós só temos agradecer pelos gestores Murialdo e Sandro intermediarem a realização dessas importantes obras”, acrescenta.

Fortalecimento do turismo rural e religioso

As pavimentações também trouxeram aumento de visitantes para as comunidades. Na Segunda Linha, os Centros de Eventos e Restaurantes tiveram aumento de público, já que agora, felizmente, não enfrentam mais problemas com lama e buracos. “Ao fecharmos contratos e oferecemos nossos serviços, a infraestrutura e acesso de qualidade contribuem positivamente, são um diferencial”, colocou o proprietário do Rhois Centro de Eventos, Saimon Reús.

No turismo religioso, a cidade tem recebido visitantes de todo o país. Eles vêm para conhecer o Santuário do Sagrado Coração Misericordioso de Jesus, inaugurado em 2017. “Esta obra promoveu acessibilidade a todos os moradores de Içara e região, há um encurtamento de distâncias por meio da via. É um projeto privilegiado porque também contempla ciclovia e local para pedestres. Unindo essa infraestrutura à capacidade que a cidade de Içara tem de acolher bem as pessoas, os turistas sempre voltam”, colocou o

padre e reitor do Santuário Antonio Vander.

As obras, que serão entregues no sábado, consolidam o objetivo do Governo de Içara de levar pavimentação para as comunidades rurais, reforçando o compromisso com a qualidade de vida de todos os içarenses. “Antes a qualidade de vida era presente somente na cidade, o que levava muitos moradores do campo a migrarem para o Centro e bairros. Hoje, há educação, saúde e mobilidade de qualidade também no interior, oferecendo uma mulher condição de vida para todas as famílias que ali residem. Não só a qualidade de vida aumentou, mas também o preço de valorização dos terrenos destas pessoas”, ressaltou o prefeito Murialdo Canto Gastaldon.

As inaugurações das vias, bem como da estrutura física da UTI do Hospital Sã Donato e da revitalização da SC-445 serão entregues no sábado, dia 22, com a presença do governador Eduardo Moreira. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *