Santuário de Caravaggio festeja Nossa Senhora Menina

Nova Veneza

O Santuário Diocesano Nossa Senhora de Caravaggio, em Nova Veneza, celebra no próximo domingo, 15, a festa em honra a Nossa Senhora Menina ou, como a maioria dos descendentes de italianos locais costumam chamar, Madonna Bambina.

“Exultemos de alegria no Senhor ao celebrar o nascimento da Virgem Maria, da qual nasceu o Sol da justiça, Cristo, nosso Deus”, ressalta o convite aberto à comunidade. A natividade de Nossa Senhora, cuja Igreja fez memória no dia 08, será comemorada com a procissão com transladação da imagem, que partirá às 10h10min da residência de Sabino e Inês Mondardo. Às 10h30min, será realizada a santa missa, com a recepção da imagem nas escadarias do Santuário. Ao meio dia, haverá o tradicional almoço típico italiano, no Salão Benfeitores de Caravaggio. 

Origem da festa

Em 08 de setembro de 1944, a senhora Ida Fenali Milanez, esposa de Andrea Milanez, sob um parto de risco, pediu socorro ao céu. Era o dia reconhecido pela Igreja como do nascimento da Virgem Maria. No silêncio de seu coração, fez a promessa de comprar uma imagem de Nossa Senhora Menina. Ida, que já tinha sete filhos, havia perdido dois em trabalho de parto. Após quatro dias, em 12 de setembro, a criança nasceu. Trata-se do Frei Nereu Mário Milanez, da Ordem dos Servos de Maria. Dezoito anos depois, em 1962, com mais recursos financeiros, Ida revelou a promessa e adquiriu a imagem, que veio de Porto Alegre (RS), encomendada pelo Monsenhor Gregório Locks. Depois de permanecer algum tempo na casa da família, foi doada ao Santuário de Caravaggio. A festa em sua homenagem era comemorada, todos os anos, junto à romaria do milagre da chuva, que aconteceu em 08 de setembro de 1951, depois de meses de uma grande seca que assolou toda a região.