São José inova no tratamento do Câncer de Próstata

Um novo avanço no tratamento para câncer de próstata esta sendo viabilizado no HSJosé. O procedimento chama-se Radioterapia Estereotaxica; e já vem sendo utilizado nos EUA, mas em Santa Catarina, o HSJosé é um dos pioneiros no assunto.

Por meio do serviço de Radioterapia, a novidade consiste em diminuir o número de sessões realizadas pelos pacientes em tratamento do câncer de Próstata; ao invés de 36 ou mais sessões de radioterapia o paciente consegue diminuir este número para apenas cinco.

“O procedimento é realizado em cinco dias. Com o próprio acelerador linear conseguimos localizar com exatidão a próstata no momento da aplicação. Para este processo é necessário a colocação de três marcadores de ouro na próstata; menores que um grão de arroz (5mm x 1mm), que permitem a localização da próstata em segundos antes da aplicação da radioterapia, e isso é possível por intermédio de radiografias feitas pelo próprio aparelho”, explica Dr. Felipe Kuhen, médico radioterapeuta, responsável pelo setor.

Os marcadores são colocados duas semanas antes do início do tratamento. Após a localização, outro avanço no processo, o tratamento acontece em apenas 2 minutos com o suporte de uma técnica chamada rapidarc, que além de ágil, permite uma liberação precisa da dose de radiação na próstata.

Cerca de seis pacientes já realizaram o tratamento e todos tiveram pouquíssimos efeitos colaterais. Por enquanto o tratamento ainda não é viabilizado pelo Sistema Único de Saúde ou planos de saúde.

O Serviço de radioterapia no HSJosé existe desde 2000, com a chegada do primeiro Acelerador Linear. Em 2015 um novo equipamento e a reforma do setor, trouxe significativa mudança no tratamento para pacientes oncológicos de Criciúma e de toda região; uma abrangência em mais de 43 municípios.

Hoje cerca de 120 pacientes realizam radioterapia no HSJosé.