São José recebe prêmio nacional de qualidade em saúde

Criciúma

Com grande satisfação e muito orgulho, anunciamos que nosso Hospital foi reconhecido e possui agora o certificado de Acreditação Pleno, concedido pela Organização Nacional de Acreditação (ONA), definido pela entidade, “para instituições que, além de atender aos critérios de segurança, apresentam gestão integrada, com processos ocorrendo de maneira fluida e plena comunicação entre as atividades”.

     Certificado desde 2017 pela ONA, o HSJosé havia recebido a certificação conferindo a entidade qualidade nos serviços prestados.

Para garantir a eficácia da certificação, o método exige constantes avaliações de manutenções; realizadas a cada oito meses. Nestas, os processos são observados e a instituição é acompanhada por meio dos relatórios dos avaliadores e ações de melhoria planejadas pelas equipes.

 Upgrade com apoio de todos

     Em 2019, por já ter atingido a validade da certificação, por meio do seu serviço de Qualidade, foi solicitado então a avaliação para Recertificação. “Pedimos nova avaliação com o objetivo de tentar alcançar um resultado superior. Na avaliação realizada em janeiro, foi evidenciado um percentual bem considerável de conformidade dos requisitos do sistema e a recomendação foi conferir ao Hospital São José a Certificação Nível 2 – Acreditado Pleno. Isso é resultado de muito empenho de todos. O que nos leva a crer todos os dias que caminhamos para o mesmo objetivo, sermos cada vez melhores e sempre resolutivos”, destaca Márcia Campos, gerente de qualidade do hospital.

     Conquistar o reconhecimento em saúde é trabalhar sempre para oferecer uma assistência hospitalar com excelência, cuidado e atenção especial ao paciente, ética e profissionalismo na realização de procedimentos, bem como a qualidade e organização nos serviços prestados.

“Primamos pela segurança do paciente é este o nosso objetivo sempre, fazer o melhor gerando atendimento de qualidade. Este selo mostra nossa precupcao com nossos pacientes e com o todo, seja na parte assistencial bem como na gestao dos processos”, aponta Dr. Raphael Elias Farias, médico diretor técnico da Entidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *