Sem carro, sem café e com projetos conservadores

Criciúma

O deputado estadual Jessé Lopes (PSL) falou nesta semana sobre sua primeira semana na Assembleia Legislativa de Santa Catarina. Estreante, ele garante que vai fazer sua parte e cortar de seu gabinete os benefícios que para ele são mordomias desnecessárias aos parlamentares. Entram nesta lista o carro destinado a cada deputado, o plano de saúde e a cafeteira que cada gabinete tem direito.

“E tem outras medidas que também pretendo anunciar ao longo dos próximos dias. Além disso meus assessores não tem qualquer tipo de auxílio para gasolina ou alimentação. Eles tem que viver com o salário. Só pretendo usar parte da minha verba de gabinete, algo perto dos 60%”, explica. 

Jesse garante que não vai apenas economizar, mas que também produzirá. Ele afirma que já tem projetos preparados para apresentar e que irá adotar uma linha conservadora. “Uma das primeiras missões é acelerar a vinda de um colégio militar para Criciúma. A ideia é implantar a unidade no Colégio Heriberto Hulse, na Próspera. Nossos projetos são baseados em pauta conservadora. Afora isso, vamos focar na fiscalização e no apoio aos bons projetos para o Estado”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *