Tigre perde penalidade, toma dois e está fora da Copa do Brasil

Criciúma

O Torcedor atendeu o chamado, coloriu o Heriberto Hülse, mas voltou para casa decepcionado. O Criciúma jogou mal, perdeu um pênalti e acabou eliminado da Copa do Brasil ao ser derrotado por 2 a 0. A derrota também custou ao Criciúma um prejuízo de R$ 2 milhões, referente ao prêmio pela vaga na quarta fase da competição. Agora resta o Catarinense. Domingo, às 16 horas, tem duelo com o Avaí na Ressacada. É jogo único e para avançar a final o Tigre terá jogar bem mais.

Empurrado pelo Torcedor o Criciúma até começou empolgado. Aos 5 minutos Gum fez pênalti em Vinícius. Na cobrança Reis acertou a poste esquerdo do goleiro Wagner. A penalidade desperdiçada mudou o jogo. A Chapecoense foi aos poucos dominando jogo e no final da primeira etapa abriu o placar.

No segundo tempo, Kleina tentou mexer no time, mas não deu certo. O Criciúma criou pouco e finalizou menos ainda. A esperança do Criciúma se manteve até os 32 minutos, quando Rildo marcou o segundo da Chapecoense e mandou parte do torcedor para casa. Apesar da derrota, parte da torcida fez questão de aplaudir e dar um voto de confiança para o time.