Viúvo será ordenado Diácono em Urussanga

Urussanga

Pela primeira vez desde a sua criação, em 1998, a Diocese de Criciúma ordenará diácono para a Igreja um seminarista viúvo e pai. O leigo Vânio Margutti Pereira, 58 anos de idade, se prepara, desde 2014, para abraçar a vocação sacerdotal. A celebração de ordenação diaconal, que antecede a presbiteral, será celebrada no domingo, 02 de dezembro, às 15 horas, no Centro Comunitário da Igreja Matriz Nossa Senhora da Conceição, em Urussanga, onde Vânio realiza experiência pastoral.

A missa com o rito será presidida pelo Bispo Diocesano, Dom Jacinto Inacio Flach, que já marcou a data da ordenação presbiteral para o dia 11 de maio, também às 15 horas, na Igreja Santo Antônio de Pádua, em Sombrio, cidade para onde Vânio se mudou com a família aos 13 anos de idade e viveu até os últimos anos com a falecida esposa e com a filha.

O chamado à vocação
Segundo filho dos sete de Ilda Margutti e Alcides Pereira, Vânio é natural da comunidade de Cachoeira, interior de Praia Grande, município que faz divisa com o Rio Grande do Sul. Desde pequeno, Vânio sempre gostou de ir à igreja rezar e não faltava a nenhuma missa. Aos 19 anos de idade, ingressou no Seminário da Ordem dos Servos de Maria, em Turvo, onde permaneceu por três anos. A inspiração para seguir a vida seminarística veio do testemunho dos freis capuchinhos Gervásio e Protásio, que eram irmãos gêmeos e durante muito tempo serviram a Paróquia São Sebastião, em sua terra natal.