Conecte-se conosco

Economia

Unesc celebra título de Universidade mais empreendedora de Santa Catarina

Publicado

em

Ouça esta matéria

Foi com a proposta de criação de uma plataforma virtual capaz de diminuir as filas para cirurgias eletivas no Sistema Único de Saúde (SUS), que a equipe de professores e acadêmicos da Unesc, “Filhos de Hermes”, garantiu o título de campeã do Reuni Challenge 2022, considerada a maior competição de Empreendedorismo Universitário do Brasil.

A grande final teve provas ao longo do fim de semana, nas dependências do Centro de Inovação Luiz Henrique da Silveira, localizado no Orion Parque Tecnológico, em Lages, com nove equipes na disputa, culminando no resultado divulgado já no entardecer de domingo (25/09).

A equipe vencedora apresentou todos os argumentos, dados e subsídios capazes de convencer um rigoroso grupo de avaliadores sobre a viabilidade da proposta intitulada “Hipp”. Concorrendo com mais de 40 ideias de instituições de ensino superior públicas, privadas e comunitárias toda Santa Catarina, a equipe da Unesc foi a grande campeã e recebeu o título de Universidade mais empreendedora do estado, além de R$ 10 mil para viabilizar a proposta, com direito a mentoria Orion Parque.

Reconhecimento e orgulho

O incentivo ao envolvimento em projetos que estimulam o perfil empreendedor e inovador em acadêmicos, de todos os cursos, se reflete em resultados como esse, que enchem de orgulho e ainda mais motivação toda a Universidade, de acordo com a reitora Luciane Bisognin Ceretta. “Estamos extremamente orgulhosos pelo resultado obtido e convictos de que esse troféu representa, de fato, o destaque do ecossistema de inovação e empreendedorismo da Universidade. Essa conquista é um case de como o Unesc Connect e a Graduação Multi, com foco na experiência e na resolução de problemas, se conectam para oferecer uma formação ainda mais empreendedora e inovadora aos nossos acadêmicos de vários cursos”, pontuou.

Além de garantir o título de Universidade mais empreendedora de Santa Catarina para a Unesc, a equipe “Filhos de Hermes” aborda um tema que coaduna com o papel de Universidade Comunitária e torna o trabalho ainda mais cheio de significado.

“Visualizamos um grande potencial na proposta apresentada e, principalmente, nessas mentes envolvidas na elaboração, estruturação e apresentação de uma ideia que pode solucionar um grande problema do SUS em todo o país. É assim que se faz inovação, com um time multidisciplinar, com estudantes e mentores de todas as áreas do conhecimento atuando colaborativamente”, enalteceu a pró-reitora de pesquisa, pós-graduação, inovação e extensão, Gisele Coelho Lopes.

Suor e sangue

A acadêmica de Direito da Unesc, Júlia Daminelli, a pitcher da equipe, ou seja, a apresentadora do grupo, usou a experiência da participação no Reuni 2021, quando estava na equipe que garantiu o terceiro lugar, e, mais uma vez, usou da retórica para transmitir aos jurados o valor da proposta do time. “Estamos todos muito emocionados e felizes com mais essa conquista. O pessoal deu o suor, deu o sangue, e trouxemos esse troféu para casa, agora do primeiro lugar”, comemorou.

Quem também explodiu de alegria e emoção foi o professor mentor Gian Marangoni, orientador da turma. “Ganhamos o primeiro lugar, mas isso aqui não é o mais importante. O principal foi o que passamos nesses dois últimos finais de semana, em um movimento que se deve, em muito, aos nossos estudantes. Gostaria de agradecer à reitoria pelo apoio e incentivo para que essas iniciativas aconteçam dentro dos espaços universitários. Desejo que, cada vez mais, o empreendedorismo e a inovação estejam à frente dessas questões que são muito importantes para a sociedade atual”, vibrou.

Apoio técnico

O assessor de Inovação da Agência de Desenvolvimento, Inovação e Transferência de Tecnologia (Aditt), Christian Engelmann, também acompanhou de perto a participação do time da Unesc, “Filhos de Hermes”, nas duas etapas da competição, oferecendo apoio técnico à equipe. “Ao longo de todo esse processo, repassamos as diretrizes, tanto técnicas quanto emocionais, para que nossos acadêmicos obtivessem êxito. Com o apoio dos nossos professores mentores e uma equipe de acadêmicos muito bem engajada, conseguimos conquistar o reconhecimento da nossa Unesc como a Universidade mais Empreendedora de Santa Catarina”, enfatizou.

Conforme Christian, a Aditt sempre estará de portas abertas para auxiliar todos os universitários que queiram iniciar no empreendedorismo, uma das grandes bandeiras da Unesc. “Nós da Agência de Inovação estamos à disposição para colaborar e ajudá-los a se desenvolverem nesse mundo que cada vez é mais exigente da proatividade dos acadêmicos. Estamos empenhados em trazer mais títulos como esse e voltar cada vez mais nossos olhares para esse grande mote, essa grande premissa de inovação e empreendedorismo”, concluiu.

Sobre o Reuni

O Reuni Challenge é a maior competição estadual voltada para o desenvolvimento de soluções que possam ajudar a construir um mundo melhor. O desafio deste ano foi a criação de uma proposta que solucionasse objetivos do desenvolvimento sustentável da Organização das Nações Unidas (ODS/ONU).

Neste ano, a competição envolveu cerca de 375 inscritos, 44 equipes, 30 avaliadores, 77 mentores e 37 universidades, com 500 pessoas envolvidas para a realização do evento. Desde o início, o Reuni já recebeu mais de cinco milhões de impressões nas redes sociais.

O projeto tem como objetivo conectar os Centros de Inovação do estado, criando a maior competição de Empreendedorismo Universitário do Brasil, estimulando a criatividade e a concorrência entre as instituições e propiciando aos estudantes colocar em prática o capital intelectual adquirido na academia.

Continue Lendo
Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Economia

Refis Nova Veneza: contribuintes podem quitar seus impostos com até 90% de desconto

Publicado

em

Ouça esta matéria

A Secretaria de Finanças de Nova Veneza segue a execução do calendário do Programa de Recuperação Fiscal (Refis) 2022. A iniciativa tem como objetivo regularizar questões tributárias junto ao executivo municipal em relação ao pagamento do Alvará de Funcionamento, Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU), Imposto Sobre Serviço (ISS) e demais taxas.

O contribuinte tem até o dia 31 de dezembro deste ano para garantir até 90% de descontos de juros e multas com pagamento à vista. Ainda, os valores podem ser parcelados em até oito parcelas, com desconto de 50% sobre os juros e multas, realizando o parcelamento no setor de tributos da prefeitura.

Informações sobre pagamento do REFIS:

Pagamento à vista ou parcelado:

Pagamento em parcela única, com desconto de 90% (noventa por cento) incidente sobre os juros de mora e multas tributárias;

Pagamento em até 2 (duas) parcelas, com desconto de 70% (Setenta por cento) incidente sobre os juros de mora e multas tributárias;

Pagamento em até 4 (quatro) parcelas, com desconto de 60% (Sessenta por cento) incidente sobre os juros de mora e multas tributárias;

Pagamento em até 8 (oito) parcelas, com desconto de 50% (Cinquenta por cento) incidente sobre os juros de mora e multas tributárias.

Em qualquer uma das modalidades citadas, o prazo para pagamento, à vista ou da primeira parcela, será de até 20 (vinte) dias após a adesão do devedor ao PNRF 2022.

A adesão ao PNRF 2022 não exime o devedor do pagamento dos honorários advocatícios, devidamente fixados em juízo, bem como de eventuais custas judiciais oriundas de execuções fiscais ajuizadas pela Procuradoria-Geral do Município.

O valor mínimo de cada prestação mensal dos parcelamentos previstos no art. 2º será de R$ 50,00 (cinquenta reais).

Continue Lendo

Economia

Inflação sobe 0,59% em outubro, após três meses de deflação

Publicado

em

Ouça esta matéria

O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) subiu 0,59% em outubro, após apresentar deflação de 0,68% em julho, 0,36% em agosto e 0,29% em setembro. Com o resultado, a inflação acumula alta de 4,70% no ano e de 6,47% em 12 meses. Em outubro do ano passado, o IPCA fechou em 1,25%. Os dados foram divulgados hoje (10) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Por grupos, as altas mais intensas ocorreram em Vestuário, com 1,22%, e Saúde e Cuidados Pessoais, com 1,16%. As maiores influências no índice vieram dos grupos Alimentação e Bebidas, com alta de 0,72%, e Transportes, que ficaram 0,58% mais caros no período analisado. Apenas Comunicação apresentou queda, de 0,48%, puxado pelo subitem plano de telefonia móvel (-2,05%).

Segundo o IBGE, os itens e subitens com os maiores impactos individuais no IPCA do mês foram passagem aérea, que teve aumento de 27,38%, higiene pessoal (2,28%) e plano de saúde (1,43%).

Entre os alimentos, a alta foi puxada pela alimentação no domicílio, que ficou 0,80% mais cara, com forte influência do aumento do preço da batata-inglesa (23,36%) e do tomate (17,63%). O IBGE também registrou alta na cebola (9,31%) e nas frutas (3,56%).

Quedas

Pelo lado das quedas, o leite longa vida ficou 6,32% mais barato em outubro, após recuar 13,71% em setembro, e o óleo de soja caiu 2,85%, a quinta queda seguida. A alimentação fora do domicílio subiu 0,49%, com a desaceleração do lanche de 0,74% em setembro para 0,30% em outubro e o aumento na refeição de 0,34% para 0,61% na passagem mensal.

Os combustíveis registraram queda em outubro, com redução de 1,56% na gasolina, 2,19% no óleo diesel e 1,21% no gás veicular. Apenas etanol registrou alta, de 1,34%.

O IBGE também aponta recuo no transporte por aplicativo, que caiu 3,13%, após a alta de 6,14% registrada em setembro. O preço da passagem de ônibus urbano teve queda de 0,23%, com a redução aos domingos em Salvador (2,99%).

O grupo Vestuário segue com tendência de alta desde a retomada das atividades após o isolamento social imposto pela pandemia da covid-19, com aumento nos preços das roupas masculinas (1,70%) e femininas (1,19%). Segundo o instituto, o grupo acumula a maior variação em 12 meses, com 18,48%.

Em Habitação, houve desaceleração de 0,60% em setembro para 0,34%, influenciado pela queda de 0,67% no gás de botijão.

Por região, todas as áreas pesquisadas apresentaram alta em outubro. A maior variação ocorreu no Recife (0,95%), com os aumentos da energia elétrica (9,66%) e das passagens aéreas (47,37%). O menor índice veio de Curitiba (0,20%), com os recuos na energia elétrica (9,88%) e na gasolina (2,40%).

Continue Lendo

Economia

Prefeitura de Cocal do Sul passa a receber pagamento de tributos via pix

Publicado

em

Ouça esta matéria

Com o objetivo de facilitar a vida do contribuinte, dando um passo a mais na modernização, a partir de agora a Prefeitura de Cocal do Sul passa a receber o pagamento de tributos através de pix. Dessa forma, as pessoas poderão contar com mais agilidade, evitando filas em lotéricas e deslocamento.

A ferramenta é uma facilidade tanto para o contribuinte como também para a prefeitura. Conforme o secretário de Administração, Fazenda e Planejamento, Juarez de Souza Medeiros, é possível fazer o pagamento de IPTU, alvará de funcionamento, ITBI, dívidas do meio ambiente, além de outros tributos. Além disso, antes haviam poucos bancos conveniados e agora o pix engloba todos os bancos.

“A vantagem é tanto para quem recebe como para quem efetua o pagamento, trazendo mais rapidez na liberação dos serviços e facilitando a vida do contribuinte, tendo em vista que a procura por esta ferramenta era muito grande”, declara o secretário.

O pagamento do pix pode ser feito através da leitura do QR Code, sendo que alguns boletos podem ser retirados no site e outros na prefeitura. Para consultar as condições de pagamento e tirar dúvidas, os contribuintes podem ligar para os números 3444-6022; 3444-6021 ou 3444-6020.

Continue Lendo

Mais vistos

© Copyright 2007-2022 sulnoticias.com