Conecte-se conosco

Geral

Ensino de qualidade em ambiente tecnológico promove destaque aos cursos da saúde na Unesc

Publicado

em

Ouça esta matéria

Quando precisamos de um determinado serviço de qualidade, pesquisamos até encontrar um profissional que nos atenda da melhor forma possível, com um trabalho ético e técnico de excelência para nossas necessidades. Isso se aplica ainda mais fortemente quando o assunto é saúde. Se o profissional que nos recebe em seu consultório tiver a formação construída em uma instituição de excelência, que prima pelo trabalho sério e humanizado, é tudo que precisamos para nos sentirmos seguros no nosso atendimento ou de nossos familiares.

Isso é o que a Unesc, única Universidade Comunitária da região, oferece e faz por meio de uma estrutura moderna, professores altamente qualificados e projetos que aliam a teoria à prática, desde o início da formação acadêmica. Tudo isso faz com que os acadêmicos conheçam, desde cedo, como as situações surgem na prática da vida profissional.

“Eu vi e vejo na prática a diferença de um olhar diferenciado dos profissionais de saúde para a comunidade. Me orgulha muito saber que na nossa Unesc formamos pessoas que terão olhar científico, ético e humano com seus pacientes, além de uma visão global dos processos, sistemas de saúde e tudo o que envolve esse universo”, salienta a reitora Luciane Bisognin Ceretta, formada em Enfermagem e particular admiradora da área da saúde.

Entre os cursos de graduação da área da saúde da Unesc, estão Biomedicina, Enfermagem, Farmácia, Fisioterapia, Nutrição, Odontologia, Psicologia e Medicina.

Quem faz Unesc, reconhece

Para o egresso da primeira turma do curso de Medicina da Unesc e diretor técnico do Hospital São José (HSJ), de Criciúma, Rafael Elias Farias, a experiência em uma instituição comunitária foi importante, pois, além da interação entre as profissões, também há a vivência por meio dos projetos de pesquisa e extensão. “A experiência de estarmos em uma Universidade como esta é a interação de toda a equipe multiprofissional, assim como da equipe médica com a comunidade, conhecendo a realidade local, interagindo com a população em todos os aspectos, desde a atenção básica até a atenção terciária de saúde”, comenta.

Ainda segundo ele, a relação da Universidade com o ambiente, por meio da prática desde o início do curso, faz com que os profissionais cheguem ao mercado de trabalho preparados. “Além disso, a Universidade estimula o Ensino e a Pesquisa, bem como a continuidade, seja no nível de pós-graduação, mestrado, doutorado ou na área médica para a residência nas mais diversas especialidades ofertadas pelo curso de Medicina, o que é muito importante”, conclui.

Única Universidade com Centro de Realidade Mista na área da saúde

Enquanto tudo está conectado, a educação não poderia ficar de fora. Sempre atenta à evolução e buscando o melhor para o ensino dos seus acadêmicos, a Unesc inaugurou, em 2022, um Centro de Realidade Mista, projeto inovador e de destaque nacional ao utilizar a tecnologia à serviço da formação de novos profissionais.

O espaço, voltado aos cursos da área da saúde, contribui com a experiência dos alunos no ensino dos acadêmicos e coloca a instituição ainda mais em evidência no que diz respeito à qualidade de ensino, pesquisa e extensão por meio da tecnologia. “O acadêmico consegue ver o corpo humano inteiro em funcionamento por meio de um óculos 3D. Exemplos são: o aluno de Medicina, além de estudar anatomia por meio da realidade virtual ele pode também fazer uma cirurgia por meio desta tecnologia. Já o acadêmico de Enfermagem faz uma série de procedimentos da enfermagem, como aplicar uma injeção, por exemplo, tudo a partir de uma realidade mista”, diz a pró-reitora de Ensino da Unesc, Graziela Amboni Graziela.

O Centro de Realidade Mista Antônio Carlos Althoff foi pensado com base no que há de mais moderno na área da saúde e faz parte do Centro de Práticas Inovadoras do Ensino da Saúde. Os alunos de graduação e pós-graduação podem ter aulas de anatomia de uma forma dinâmica e virtual, proporcionando uma experiência muito próxima da realidade. Inicialmente, o Centro ofertará 11 módulos de anatomia e de dois a três módulos de metacirurgia.

Outra novidade é a Microscopia Eletrônica Avançada, utilizada pelos alunos do curso de Odontologia, uma inovação que oferece uma experiência formativa, desenvolvendo competências e habilidades ligadas ao uso da tecnologia.

A adição destes equipamentos contemporâneos é fundamental e pertinente para que seja possível a melhora do acolhimento, do planejamento de ações e de prestação de serviços concedidos pela Unesc gratuitamente à população. Além disso, a incorporação de novos aparelhos fornece aos acadêmicos uma ideia real do que há de mais moderno e inovador na área odontológica.

Inovação proporcionada pela Graduação Multi

A Graduação Multi implantada pela Unesc no primeiro semestre de 2022 também chegou para revolucionar o ensino. Focada no futuro da educação superior, a Universidade iniciou em 2022 a proposta inovadora que propõe ainda maior envolvimento dos estudantes, desde a primeira fase, na prática e na resolução de problemas reais. O novo formato pedagógico para os cursos de graduação possui olhares voltados ainda mais à conexão com os setores produtivo e público, além da sociedade.

“Ao reforçar a relação teoria-prática já valorizada na Unesc, a Graduação Multi envolve os estudantes em seus futuros campos de atuação profissional a partir de aulas em diferentes formatos, aprimoradas com constantes provocações à busca de soluções inovadoras, adequadas ao que o cenário necessita”, reforça a reitora Luciane Bisognin Ceretta. 

Conforme Graziela, a Graduação Multi permite que os alunos tenham, desde o início, a prática da profissão escolhida. “Além disso, estamos promovendo integração  entre os cursos, o que possibilita capacitar estes profissionais mais qualificados para o mercado de trabalho, no qual cada dia mais mostra que é importante saber trabalhar em grupo. Uma das grandes dificuldades das pessoas é relacionar-se com os pares, às vezes, não conseguem desenvolver um trabalho em equipe adequado em função de não conseguir estabelecer o respeito e a integração que deve haver entre as profissões. O que muitas vezes priva o paciente de um tratamento multidisciplinar adequado e de melhores resultados. Quando um acadêmico aprende a interagir com outros estudantes, colegas de outros cursos, respeitar a opinião do outro e, juntos, construírem um projeto de saúde para alguém ou para uma comunidade, isso traz de fato a diferença. Estes serão os profissionais diferenciados”, destaca. 

Para contribuir ainda mais com a aprendizagem, a Universidade possui ainda diversos serviços e projetos de extensão em saúde, entre eles o projeto Trilho da Saúde, e as Clínicas Integradas, espaço no qual os aprendizados são colocados em prática e uma gama de pessoas da sociedade são altamente beneficiadas.

Portas abertas para a transformação

Os interessados em conhecer e fazer parte das experiências proporcionadas pela Unesc na área da saúde, assim como toda a gama de graduação em modelo presencial ou de Educação a Distância (EaD), podem entrar em contato com a Universidade para obter mais informações sobre as inúmeras oportunidades de bolsas, descontos e formas de ingresso pelo Whatsapp (48) 99915 0433.

Já quem procura cursos de pós-graduação pode entrar em contato pelo telefone (48) 3431 2626 e pelos cursos técnicos no telefone (48) 3431 2671 ou pelo telefone (48) 3431 4500 (whatsapp).

A Central de Atenção ao Estudante (Centac) atende calouros e veteranos pelo Whatsapp (48) (48) 99644 0170 ou no (48) 3431 2545 e presencialmente das 8h30 às 21h. Mais informações e os detalhes de cada um dos cursos disponíveis podem ser obtidas no site unesc.net.

Excelência comprovada

Em 2022, a qualidade da Unesc foi comprovada por meio das avaliações do Ministério de Educação (MEC). Desta vez, os cursos avaliados foram os cursos em Ead, que resultou em nota máxima aos cursos da Unesc Virtual, que certifica as graduações EAD em Processos Gerenciais e em Marketing, além do semipresencial em Gastronomia, com a nota cinco, a máxima do MEC e os cursos em modelo EAD em Gestão de Turismo e em Gestão de Recursos Humanos com a nota quatro.

Além das notas, os avaliadores destacaram a excelência no trabalho da Universidade, assim como a arquitetura pedagógica inovadora e o material didático de qualidade, pontuando ainda como “notáveis” as infraestruturas física, tecnológica e de capital humano.

Complementando este resultado, a Unesc aparece mais uma vez em uma seleta lista da revista inglesa Times Higher Education (THE), que avalia as universidades em todas as suas missões como ensino, pesquisa, transferência de conhecimento e perspectivas internacionais, tudo isso, baseado em 13 indicadores de desempenho cuidadosamente calibrados para fornecer as comparações mais abrangentes e equilibradas.

Texto e fotos: Marciano Bortolin/Agecom/Unesc

Continue Lendo
Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

Procon de Içara realiza pesquisa de material escolar

Publicado

em

Ouça esta matéria

O Procon de Içara realizou no entre os dias 19 e 20 pesquisa de preço do material escolar comercializado na cidade. O levantamento foi realizado em oito estabelecimentos entre papelarias e supermercados, nos quais foram pesquisados 35 itens. O objetivo é permitir que o consumidor possa realizar a sua compra com economia e segurança.

Destacamos, como exemplo, dois itens cuja diferença de valor é mais significativa. O caderno Universitário espiral capa dura com 200 folhas, por exemplo, chega a ter uma variação de até 55%, com R$ 13,48 no estabelecimento mais barato e R$ 20,95% no mais caro. O lápis de cor da marca Leo&Leo apresenta variação de até 66%, com R$ 5,59 no estabelecimento mais barato e R$ 9,28 no mais caro.

“Nosso objetivo é fazer com que o consumidor ande menos e também erre menos na sua própria pesquisa. Sabemos que as coisas estão muito difíceis nos dias de hoje e pesquisar preços acaba sendo a melhor opção para se obter economia”, comentou o diretor do Procon Renato Noveli.

Continue Lendo

Geral

Pesquisa realizada na Unesc faz parte de iniciativa social premiada no Fórum Econômico Mundial de Davos

Publicado

em

Ouça esta matéria

Um trabalho desenvolvido pela coordenadora do Observatório de Desenvolvimento Socioeconômico e professora da Unesc, Melissa Watanabe e de seu orientando, Igor Olsson, faz parte do MapBiomas, rede colaborativa premiada recentemente durante o Fórum Econômico Mundial, em Davos, na Suíça.

Ao todo, 16 iniciativas de todo o mundo foram reconhecidas pelo seu impacto e inovação social, entre elas esta de raízes na Unesc. O MapBiomas, rede formada por ONGs, universidades e startups de tecnologia, foi premiado dentro de uma nova categoria do prêmio Inovadores Sociais do Ano – Inovação Social Coletiva. 

A pesquisa reconhecida e que há 12 anos é realizada na Unesc teve início em 2005 quando Melissa cursava o doutorado. “Iniciei o estudo com relação à mudança da utilização da terra. Ao longo do tempo o tema foi ganhando interesse dos alunos. Quando ingressei na Unesc como pesquisadora, continuei com esta temática, e tive alunos bolsistas que continuaram explorando com TCCs, dissertações de mestrado, entre outros, utilizando o meu modelo, que inicialmente estava delimitado ao Paraná, extrapolando para todo o Brasil”, conta.

Importância para a sociedade

A professora destaca ainda que a premiação mostra a importância deste tipo de estudo para a sociedade como um todo. “Dentro da dissertação do bolsista Igor, que faz parte do Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Socioeconômico (PPGDS) e do curso de Ciências Econômicas, utilizamos os produtos que o Mapbiomas disponibiliza como ferramenta de análise. Quando criamos estas séries históricas de maneira interativa, se busca a preservação e manejo sustentável dos recursos naturais com indicativos para tentativa de combate às mudanças climáticas”, relata.

A professora explica que o  uso e a mudança da utilização da terra estão relacionados com a forma com que os seres humanos usaram e ainda usam a cobertura vegetal. “Fizemos uma análise longitudinal, ou seja, ao longo do tempo. Por que isso está associado ao que chamamos de questões biofísicas, socioeconômicas e culturais para escolha de como o espaço vai ser utilizado. Isso está dentro da geografia humana que é em uma lógica de tomada de decisão para o uso do espaço geográfico”, explica.

Quando o desenvolvimento e a mudança deste cenário são observados, conforme Melissa, o estudo tenta compreender quais são os fatores que impactam no uso da terra, o que influencia e é influenciado pelo preço das produções agrícolas, da terra em si, pela migração das pessoas das áreas rurais para as urbanas. “Quando temos êxodo rural, temos menos mão de obra nas áreas rurais, o que impacta o que é produzido naquele espaço de terra. E também políticas governamentais quando implementam algumas áreas e potencializam o seu uso e o próprio desenvolvimento da indústria urbana que puxa a mão de obra”, enfatiza.

O MapBiomas

O MapBiomas produz mapeamento anual da cobertura e uso do solo e monitora a superfície de água e as cicatrizes de fogo mensalmente com dados a partir de 1985. Também avalia e elabora relatórios para cada evento de desmatamento detectado no Brasil desde janeiro de 2019, por meio do MapBiomas Alerta.

A intenção do trabalho é revelar as transformações do território brasileiro por meio da ciência, com precisão, agilidade e qualidade, e tornar acessível o conhecimento sobre a cobertura e o uso da terra, para buscar a conservação e o manejo sustentável dos recursos naturais, como forma de combate às mudanças climáticas.

Continue Lendo

Geral

Candidatos já realizam inscrições para cursos profissionalizantes

Publicado

em

Ouça esta matéria

As inscrições para os cursos da Escola Profissional Municipal seguem abertas até o dia 3 de fevereiro. A procura já iniciou, mas ainda há vagas disponíveis.  Conforme o edital, a seleção ocorrerá no dia 7 de fevereiro e as aulas serão realizadas entre os dias 13 de fevereiro e 24 de abril. Os bairros Vila Nova e Esplanada irão receber as carretas da Escola Móvel do Senai para os cursos de costura industrial e panificação e confeitaria, pela ordem. O curso de modelista de roupas será na área central da cidade.

“É muito importante que as pessoas despertem o interesse pelo aperfeiçoamento profissional, pois há muito trabalho na cidade e só terá oportunidade quem se preparar”, destacou o prefeito em exercício Jandir Sorato. “Gostaríamos de pedir que as pessoas não deixem para fazer a inscrição na última hora. Nossas equipes estão preparadas para atender e realizar as inscrições”, completou o secretário de assistência social, habitação, trabalho e renda Eduardo Zata.

O edital com os prazos, locais de inscrições, entre outras informações está no link https://bit.ly/editaiscursos2023

Continue Lendo

Mais vistos

© Copyright 2007-2023 sulnoticias.com