Conecte-se conosco

Geral

Governo reedita decreto com lockdown nos fins de semana

Publicado

em

Ouça esta matéria

governador Carlos Moisés se reuniu nesta quarta-feira, 10, com prefeitos e autoridades para avaliar e estabelecer medidas para o enfrentamento da pandemia. Um novo decreto com regras vigentes para os próximos dias deverá ser publicado ainda nesta quarta-feira. 

O governador Carlos Moisés enalteceu a importância do diálogo e reafirmou que a imprevisibilidade da evolução da pandemia exige avaliações e tomadas de decisões praticamente diárias e conclamou a união de todos para a superação dos obstáculos que se apresentam. O chefe do Executivo estadual destacou a medida que impõe restrição ao consumo de bebidas alcoólicas, a partir das 21h, nos dias de semana, para consumo no local da venda. O objetivo é conter aglomerações e também evitar acidentes de trânsito e outras ocorrências que acabam sobrecarregando o sistema de saúde.

“É um recado muito claro para que as pessoas entendam que o momento exige cuidado e responsabilidade. Temos convicção que esta medida contribuirá muito neste momento. É importante destacar que o Estado não impossibilita a tomada de decisão dos gestores municipais, de acordo com a necessidade regional de cada um”, pontua o governador.

Para o fim de semana, ficará em funcionamento somente aqueles serviços e atividades estritamente necessários.

O secretário de Estado da Saúde, André Motta Ribeiro, destacou a importância do trabalho coordenado do Governo do Estado com os municípios para garantir a aplicação das vacinas e também fazer a previsão de insumos fundamentais para o atendimento aos pacientes. ” A vacina é o produto mais requisitado no mundo hoje, mas estamos atuando junto ao Ministério da Saúde para agilizar o envio de doses. É fundamental que estejamos alinhados para garantir a atenção aos catarinenses”, afirma.

Foto: Mauricio Vieira / Secom

Medidas apresentadas

O procurador-geral do Estado, Alisson  de Bom de Souza, apresentou aos prefeitos um modelo prévio de medidas que passarão a valer ao fim da vigência do decreto 1.168, nesta quinta-feira, 11.

A proposta do Governo do Estado, discutida com as autoridades, traz entre as medidas a proibição de fornecimento com consumo no local de bebidas alcoólicas das 21h até as 6h e a prorrogação do uso de efetivo de 500 policiais exclusivamente para a fiscalização das medidas sanitárias previstas em decreto.

Além destas ações, o modelo apresentado aos gestores municipais prevê a partir de sexta-feira, 12 de março, até a próxima sexta, 19 de março, por uma semana – ressalvado o fim de semana – a limitação de funcionamento de uma série de atividades por limite de ocupação até 25% e atendimento ao público das 6h até as 23h59.

No transporte coletivo haverá limitação de 50% da ocupação do veículo. O funcionamento de casas noturnas, realização de shows, além de qualquer tipo de aglomeração de pessoas continuam proibidos. 

Participaram da reunião prefeitos das 21 maiores cidades, de 20 associações de municípios, secretários de Estado e o presidente da Assembleia Legislativa de Santa Catarina, deputado Mauro de Nadal. A moderação do debate foi conduzida pelo chefe da Casa Civil, Eron Giordani.

Continue Lendo
Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

Governo de Criciúma decreta luto, Câmara emite nota de pesar

Publicado

em

Ouça esta matéria

Prefeito de Criciúma Clésio Salvaro decretou no final desta manhã de domingo Luto oficial de três dias no município em decorrência da morte do ex-vereador Júlio Colombo. Já o presidente da Câmara Arleu da Silveira, emitiu uma nota de pesar. Confira:

Nota Prefeitura de Criciúma A Prefeitura Municipal de Criciúma decreta luto oficial de três dias e manifesta o mais profundo pesar pelo falecimento ocorrido na manhã deste domingo (11), do ex-vereador Julio Cezar Colombo, aos 57 anos.Julio Colombo era advogado, liderança da região do Rio Maina e se destacou como presidente da Fundação do Meio Ambiente de Criciúma (Famcri), vereador e presidente da Casa Legislativa, prefeito interino de Criciúma, entre outras áreas da gestão pública.Um político que buscava, sempre, realizar e defender aquilo em que acreditava.Todas as repartições públicas de Criciúma deverão estar com as bandeiras hasteadas a meio-mastro.

Nota Câmara CriciúmaA Câmara Municipal de Criciúma comunica, com pesar, o falecimento do ex-vereador Julio Cezar Colombo, aos 57 anos, ocorrido na manhã deste domingo (11), por complicações causadas pela Covid-19. Por dois mandatos, Julio atuou como vereador no município de Criciúma, presidindo a Câmara entre os anos de 2017 e 2018. O Legislativo Criciumense presta apoio aos familiares neste momento triste e externa suas condolências à todos aqueles que perderam amigos e entes queridos em decorrência da Covid-19. A Câmara de Criciúma decreta Luto Oficial de três dias.

Continue Lendo

Geral

Professor de 29 anos morre vítima do Coronavírus

Publicado

em

Ouça esta matéria

O município de Criciúma registrou mais uma morte em decorrência do novo Coronavírus. A vítima é um professor de 29 anos. O profissional atuava na rede pública de Criciúma e lecionava na escola Lili Coelho, no Promorar Vila Vitória.

Wilson Bernardo Borges era professor de Educação física e estava internado no Hospital São José. Na noite deste sábado ele perdeu a batalha para a doença. Em nota o Sindicato dos Servidores Púbicos de Criciúma lamentou a morte.

A Vigilância Epidemiológica também confirmou a morte de uma mulher de 37 anos, agora são 375 as mortes em Criciúma desde o início da pandemia.

Continue Lendo

Geral

Mais quatro mortes confirmadas em Criciúma por Covid

Publicado

em

Ouça esta matéria

A Vigilância Epidemiológica de Criciúma confirmou neste sábado mais quatro mortes provocadas pelo Coronavírus. Duas das mortes foram registradas neste sábado. As outras duas ocorreram em dias anteriores. As vítimas estavam internadas em cidades vizinhas e por isso os óbitos só entraram na estatística neste sábado.

Hoje morreram duas mulheres. Uma delas tinha 70 e a outra 66 anos. Já as outras mortes são de dois homens. Um deles, de 43 anos, morreu na quinta-feira. O outro é um jovem de 27 anos que foi a óbito na sexta-feira. Agora Criciúma soma 373 vítimas desde o início da pandemia.

Continue Lendo

Mais vistos

© Copyright 2007-2021 sulnoticias.com