Conecte-se conosco

Geral

Novo Ensino Médio é preparado com dedicação no Colégio Unesc

Publicado

em

Ouça esta matéria

Criciúma

A partir de 2021 os alunos do Ensino Médio do Colégio Unesc iniciarão o processo de transição para um novo formato de educação proposto pelo Governo Federal. Chamado de Novo Ensino Médio, o modelo está sendo preparado com afinco na escola e passará a ser implantado com os estudantes da primeira série, de forma progressiva.

Conforme a coordenadora pedagógica do Colégio Unesc, Mainara Figueiredo Cascaes, o novo formato compreende a inclusão dos chamados itinerários formativos. “Além das aulas dos componentes curriculares já tradicionais, a formação do aluno também passará por componentes que irão os desafiar a estruturar seu protagonismo juvenil dentro de quatro pilares: investigação científica, processos criativos, mediação sociocultural e empreendedorismo”, explica.

Entre as principais mudanças práticas para o estudante que ingressar no Novo Ensino Médio, de acordo com Mainara, está o acréscimo na carga horária total dos três anos de estudo, que passa de 2.400 horas para 3 mil horas de atividades na escola ao longo dos três anos do período.

Implantação em 2021 para a Primeira Série

Já em 2021, integrando as ações de transição para o formato proposto, o Colégio Unesc disponibilizará aos alunos da Primeira Série duas propostas de itinerários formativos: Projeto de Vida e Oficinas de Texto. O objetivo é propor de forma integrada aos alunos oportunidades de reflexão, autoconhecimento e desenvolvimento do seu projeto de vida. “Eles poderão refletir sobre a relação deles com eles mesmos, com o mundo e com o outro a partir das atividades propostas e isso será importante para que aprendam também a lidar com as emoções, desenvolvendo competências socioemocionais importantes para a vida pessoal e profissional”, destaca a coordenadora.

Ao longo dos próximos anos, a proposta do Colégio Unesc é ampliar os itinerários formativos, ou seja, os estudantes poderão escolher se aprofundar naquilo que mais se relaciona com seus interesses e talentos. São atividades relacionadas às áreas do conhecimento (Matemática, Linguagens, Ciências Humanas e Ciências da Natureza) além da formação técnica e profissional, em parceria com a UnescTec.

Preparação da comunidade escolar

Toda a equipe de professores está participando de formações como forma de preparação para o próximo ano letivo. Mesmo em meio aos desafios impostos pela pandemia para as atividades curriculares de 2020, conforme a coordenadora, a equipe tem se dedicado a entender e refletir sobre as novas possibilidades de ensino.

“Todo esse cenário representa um grande desafio não só para a escola, mas também para alunos e familiares, que precisarão se adaptar. Sabendo disso, temos feito uma construção horizontal com toda a comunidade acadêmica, discutindo e colaborando uns com os outros, para que tenhamos a melhor transição possível”, pontua a coordenadora, que acrescenta ainda o acompanhamento também das mudanças no material didático a ser disponibilizado.

A expectativa para os reflexos das adaptações no ensino é positiva e aponta para uma ampliação do trabalho já defendido pela Universidade e pelo Colégio Unesc. “Acreditamos que toda essa mudança venha a somar ao que já defendíamos como preparação do aluno não só na teoria, mas uma formação para a vida. Os espaços de aprendizagem que temos à disposição como laboratórios, museus, salas colaborativas, estudos de meio, entre outros, já oportunizavam uma formação diferenciada, que será potencializada a partir desta remodelação”, acrescenta.

Matrículas abertas

As matrículas do Colégio Unesc para 2021 estão abertas. A Escola possui turmas do primeiro ao nono ano do Ensino Fundamental e da primeira a terceira série do Ensino Médio.

A instituição, que fica junto da Unesc, partilha de toda a estrutura da Universidade, como laboratórios, ateliês, biblioteca, brinquedoteca, ginásios e quadras, piscina, horta e horto florestal e o Museu de Zoologia.

Mais informações podem ser obtidas pelo WhatsApp (48) 99974.0741 ou pelo telefone (48) 3431.2530.

Continue Lendo
Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

Criciúma chega a 248 mortes por Coronavírus

Publicado

em

Ouça esta matéria

O município de Criciúma chegou nesta sexta-feira as 248 mortes registradas na cidade em decorrência da Covid-19. As três últimas vítimas foram confirmadas em boletim enviado pela vigilância epidemiológica.

As vítimas são três homens. Eles tinham 44, 35 e 63 ano e estavam internados em hospitais da cidade. O município segue solicitando a população que mantenha atenção aos cuidados para as medidas sanitárias de combate ao Coronavírus.

Continue Lendo

Geral

Em Morro da Fumaça, aulas iniciam no dia 17 de fevereiro de forma híbrida

Publicado

em

Ouça esta matéria

Os alunos da Rede Municipal de Morro da Fumaça retomam as aulas no próximo dia 17 de fevereiro de forma híbrida devido à pandemia do novo coronavírus (Covid-19). Todos os detalhes foram definidos em encontro com as gestoras das escolas e dos Centros de Educação Infantis (CEI’s).

A secretária do Sistema de Educação, Greicy Salvador Zaccaron, explica que para organização do retorno, os pais responderão uma pesquisa para que se tenha uma diagnóstico do retorno. “Os pais terão a opção de escolher se o filho terá aula presencial ou remota”, destaca.

A lei  18.032/2020, do Governo do Estado, considera as atividades educacionais essenciais, por isso a opção pelo presencial, porém, para isso, foi elaborado o Plano de Contingência da Educação para a Retomada das Aulas Presenciais (Plancon Edu). “É um instrumento de planejamento e preparação que está pronto e aprovado pela Defesa Civil e por uma comissão criada para acompanhar este trabalho. Por isso, os pais podem ficar tranquilos que o retorno será seguro. Estamos tomando todas as medidas de prevenção e combate ao coronavírus”, pontua Greicy.

Conforme a portaria conjunta 983/2020, se a Associação dos Municípios da Região Carbonífera (Amrec) estiver  na matriz de risco grave (cor laranja), e se manter assim ou migrar para a matriz amarela ou azul, as escolas e CEIs estão autorizadas a retomar as aulas presenciais, desde que a capacidade operativa das salas respeitem o distanciamento social de no mínimo 1,5 metro.

Continue Lendo

Geral

Não dê esmolas: Assistência Social de Criciúma alerta sobre riscos decorrentes da ação

Publicado

em

Ouça esta matéria

Criciúma dispõe de três serviços à disposição da população em situação de rua. Por isso, a Secretaria Municipal da Assistência Social e Habitação pede para que a população não oferte esmolas. Isso porque, na maioria dos casos, as doações não são utilizadas para a alimentação, além de incentivar a permanência nas ruas e não proporcionar bem-estar às pessoas.

A permanência da população em situação de rua nas sinaleiras pode ocasionar riscos, como atropelamentos e acidentes ao estarem caminhando pelas avenidas. “Se não for ofertada a esmola, automaticamente essa população que se encontra em situação de rua vai procurar os atendimentos disponibilizados pelo governo”, explicou o secretário municipal da Assistência Social e Habitação de Criciúma, Bruno Ferreira.

Serviços em prol da população em situação de rua

Os serviços à disposição da população em situação de rua estão funcionando normalmente. São estes: Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua (Centro Pop), Casa de Passagem e Abordagem Social.

“Estes serviços são essenciais para que eles tenham direito à alimentação, banho, vestuário, bem como atendimentos e acompanhamentos”, afirmou a coordenadora da Proteção Social Especial de Média e Alta Complexidade, Dudi Sônego.

Centro Pop

Aberto de segunda à sexta-feira, das 8h às 17h, o Centro Pop dispõe de refeições, vestuários, sanitários, higiene pessoal, armazenamento de pertences e emissão de documentos. Diariamente, cerca de 35 cafés da manhã, 25 almoços e 20 cafés da tarde para a população em situação de rua que recorre ao equipamento. Este fica localizado na rua Martinho Lutero, 179-325. Saiba mais em: https://www.criciuma.sc.gov.br/site/noticiaUnica.php?noticia/14086#conteudo.

Casa de Passagem

Com vagas para 20 homens e oito mulheres, a Casa de Passagem funciona 24h horas por dia, em todos os dias da semana. No local, são realizados encaminhamentos, prestados auxílios para a elaboração de currículos, além de conter dormitórios, refeições e higiene pessoal a disposição dos usuários. A Casa de Passagem fica na rua Giácomo Sônego Neto, 415, no bairro Pinheirinho. Saiba mais em https://www.criciuma.sc.gov.br/site/noticiaUnica.php?noticia/14414#conteudo .

Abordagem Social

A Abordagem Social consiste em educadores que circulam pelas ruas, oferecendo os serviços do Centro Pop e da Casa de Passagem à população em situação de rua. Saiba mais em https://www.criciuma.sc.gov.br/site/noticiaUnica.php?noticia/15012#conteudo .

Continue Lendo

Mais vistos

© Copyright 2007-2021 sulnoticias.com