Conecte-se conosco

Polícia

Ação em Criciúma é apontada como maior assalto da história de Santa Catarina

Publicado

em

Ouça esta matéria

Criciúma

A ação que levou pânico aos moradores de Criciúma na madrugada desta terça-feira é apontada pela Polícia como o maior assalto da história de Santa Catarina. O Banco do Brasil já avisou que não pretende se manifestar sobre o valor levado, mas especulações apontam para um montante superior aos R$ 40 milhões. Os criminosos iniciaram a ação por volta das 23he40min. Eles incendiaram um caminhão em frente ao 9º Batalhão da PM e atacaram o prédio a tiros. Em seguida sitiaram a cidade, passaram a efetuar centenas de disparos de arma de fogo e só deixaram Criciúma depois de duas horas. “Foi uma ação sem precedentes”, resume o Coronel Cristhian Dimitri, comandante da PM em Criciúma.

Desde as primeiras horas da manhã as forças de Segurança do Estado trabalham de maneira integrada para tentar encontrar pistas que possam ajudar a esclarecer o caso. “Foi um assalto cinematográfico. A mobilização dos criminosos foi algo inédito e já podemos afirmar que esse é o maior assalto da história do Estado. A julgar pela complexidade da ação podemos afirmar que foi algo com longo planejamento. A Polícia vai empenhar toda sua inteligência para esclarecer esse caso, mas é preciso paciência. Será uma investigação minuciosa”, explica o delegado Anselmo da Cruz, responsável pelo caso.

Perito chefe do IGP de Santa Catarina Giovani Adriano disse que os investigadores já encontraram vários indícios pela cidade que devem ajudar a apurar o caso. Em um dos carros recuperados a Polícia também identificou uma grande quantidade de sangue e existe a suspeita de que um dos envolvidos tenha sido atingido. “Estamos trabalhando para montar o quebra-cabeças e tenho certeza que vamos identificar estes criminosos”, argumenta.

Em Coletiva de Imprensa o Governador Carlos Moisés disse que toda Força de Segurança do Estado está mobilizada para dar uma rápida resposta. “Porque estas imagens não condizem com Santa Catarina, que sempre foi um estado calmo. Vamos dar a pronta resposta e esse caso não ficará impune”.

Comandante do 9º Batalhão o Coronel Cristhian Dimitri também defendeu a ação da PM ao longo da Operação. “Foi a decisão acertada. Fazer o cerco. Não tínhamos como ir para o confronto e expor a cidade inteira ao Risco. O papel da PM é proteger”.

Continue Lendo
Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polícia

Tio e sobrinho são presos por tráfico de drogas

Publicado

em

Ouça esta matéria

Dois homens, Tio e Sobrinho, foram presos nesta quinta-feira acusados de tráfico de drogas. Moradores do bairro Renascer, em Criciúma, eles foram capturados pela Polícia Civil. Uma adolescente de 16 anos, moradora de Urussanga, também foi apreendida. A operação teve ainda apoio de Patrulheiros da Polícia Rodoviária Federal e agentes da Polícia Civil de Tubarão.

Com eles, no porta-malas de um Corsa, a Polícia encontrou 30 quilos de maconha, celulares e dinheiro. Segundo a Polícia um dos homens é integrante de facção criminosa que atua no bairro Renascer. Já o Sobrinho estaria atuando como traficante na região da Quarta Linha.

Continue Lendo

Polícia

Polícia Civil divulga imagens de tentativa de latrocínio e busca identificação de autor

Publicado

em

Ouça esta matéria

A Divisão de Repressão à Roubos da Polícia Civil de Criciúma (DRR/DIC-PCSC) realiza a difusão das imagens de monitoramento que captaram uma tentativa de latrocínio contra um idoso. O fato ocorreu em 05 de janeiro, em uma mercearia no bairro Renascer, em Criciúma.

O autor aparenta ter a cútis branca e estatura baixa/média. Trajava boné preto com detalhe claro, moletom escuro, calça em tom marrom e botas pretas, além de mochila preta e cinza.

Informações pertinentes para identificação do autor ou relacionadas ao fato podem ser enviadas via canais de comunicação da Polícia Civil, com sigilo absoluto: ligação 181 ou 197, WhatsApp/Telegram (48) 98844-0011 ou http://delegaciavirtual.sc.gov.br/ em “denúncia anônima”.

Continue Lendo

Polícia

Polícia Civil finaliza investigação por roubos e homicídio e um homem é preso

Publicado

em

Ouça esta matéria

A Divisão de Repressão à Roubos da Polícia Civil de Criciúma (DRR/DIC-PCSC), coordenada pelo Delegado Yuri Miqueluzzi, concluiu investigação de roubos ocorridos em Criciúma e Içara. Em um dos roubos, na fuga, a dupla de autores ainda atropelou e matou um pedestre no centro de Criciúma.

Os investigados, 24 e 23 anos, são apontados como autores de roubo contra um taxista no bairro Presidente Vargas em Içara, julho passado. Logo após o roubo do veículo do motorista, uma guarnição de policiais militares localizou a dupla guiando o carro subtraído no centro de Criciúma. As ordens de parada não foram obedecidas e houve perseguição. Na fuga, em alta velocidade, a dupla atropelou um pedestre, que não resistiu. Um dos autores foi capturado e preso em flagrante. O outro conseguiu fugir.

A Polícia Civil iniciou as investigações. O autor que empreendeu fuga foi identificado e houve representação pela sua prisão preventiva, deferida. Ainda foi constatado que a dupla realizou outro roubo anterior em Criciúma. Os dois foram indiciados pelos roubos e morte do pedestre. O Ministério Público ofereceu denúncia pelos crimes de roubos e homicídio doloso.

Após diligências pela Polícia Civil, o foragido optou por se apresentar de forma espontânea nesta Divisão, sendo realizado o cumprimento do mandado. Foi encaminhado ao Presídio Santa Augusta e aguarda julgamento. Prestaram apoios a DRE/DIC, DH/DIC, CPP Criciúma e DP Içara.

Continue Lendo

Mais vistos

© Copyright 2007-2021 sulnoticias.com