Conecte-se conosco

Polícia

Mais de 2,1 mil presos começam a receber treinamento para trabalhar na indústria têxtil

Publicado

em

Ouça esta matéria

is de 2,1 mil apenados começaram nesta segunda-feira, 23, a frequentar os cursos profissionalizantes para atuar na indústria têxtil que está sendo implantada no sistema prisional catarinense. A capacitação ministrada pelo Senai é preparatória para a ativação das linhas de produção que estão sendo montadas nestas unidades. Ao longo dos próximos 90 dias, os internos receberão treinamento para atuar nas áreas de corte industrial, costura, serigrafia, logística e manutenção de máquinas.

O convênio entre Governo do Estado e Senai foi assinado pelo governador Carlos Moisés, no último dia 9. O investimento do Governo na ação, incluindo a construção de galpões e a compra do maquinário, supera os R$ 30 milhões.

O treinamento ocorre no Complexo Penitenciário de Chapecó, Penitenciária Sul, em Criciúma, Penitenciária Industrial de São Cristóvão do Sul, Complexo Penitenciário do Vale do Itajaí e UPA de São Miguel do Oeste.

O secretário da Administração Prisional e Socioeducativa, Leandro Lima, acompanhou o início das atividades em Criciúma e destacou a importância do projeto. “Ao todo vamos gerar cerca de 1,6 mil novas vagas de trabalho qualificado para os apenados, que serão pagos pelo exercício da atividade, sendo que 25% do salário retorna para o Fundo Rotativo da unidade prisional a título de indenização. Também estão sendo construídos 18 galpões industriais para abrigar as linhas de produção. Desta forma com treinamento e infraestrutura adequadas poderemos oferecer produtos de qualidade como, por exemplo, uniformes escolares tanto para a rede pública estadual ou municipal”, destacou.

O aumento da oferta de vagas de trabalho tem dois importantes objetivos. O primeiro deles é a possibilidade de reabilitação social e econômica dos internos, com a oferta de treinamento para atuar em atividade qualificada e identificada com a região. Outro fator importante é que 25% do salário retornam para o Fundo Rotativo e o valor arrecadado é totalmente reinvestido na unidade, em obras de infraestrutura ou aquisição de equipamentos para a implantação de novas oficinas. Além disso, o trabalho é uma estratégia de segurança prisional.

Continue Lendo
Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polícia

Polícia Federal prende mais um por envolvimento com pornografia infantil

Publicado

em

Ouça esta matéria

A Polícia Federal deflagrou nesta quinta-feira (14/10) nova fase da operação contínua P2J (Pedo to Jail), focada na repressão ao compartilhamento e à posse de imagens e vídeos com conteúdo de abuso sexual infantojuvenil.

Policiais cumpriram mandado de busca e apreensão na cidade de Balneário Gaivota/SC, expedido pela 1.ª Vara Federal de Criciúma, com objetivo de localizar equipamentos usados no armazenamento e compartilhamento de imagens de exploração sexual infantojuvenil.  

O suspeito, que utilizava um aplicativo para compartilhamento dos arquivos com outros usuários, mediante utilização de redes de compartilhamento de arquivos denominadas P2P, foi preso em flagrante pelo delito de armazenamento de arquivos com pornografia infantil. 

Além disso, foi realizada a arrecadação e a apreensão de equipamentos de informática, celulares e mídias de armazenamento, os quais serão submetidos a exames periciais para ratificação das provas até então produzidas nos autos do inquérito policial. 

O crime de compartilhamento de arquivos de pornografia infantil, previsto no Estatuto da Criança e do Adolescente, é punido com pena de reclusão de 3 a 6 anos. Já o crime de posse de arquivos de pornografia infantil, também tipificado no mesmo estatuto, é punido com pena de reclusão de 1 a 4 anos. 

Continue Lendo

Polícia

Dois são presos em operação contra o tráfico em Cocal do Sul

Publicado

em

Ouça esta matéria

A Polícia Civil, através da Delegacia de Polícia de Cocal do Sul, desencadeou na manhã desta quinta-feira (14) uma operação em Cocal do Sul, no Sul do Estado, em combate ao crime de tráfico de drogas. Duas pessoas foram presas.

Foram cumpridos 04 mandados de busca e apreensão nos bairros São João e Linha Tigre, em endereços de investigados pelo narcotráfico. Foi preso temporariamente um investigado de 46 anos, que já havia sido condenado por tráfico, tendo cumprido pena. Depois de sua saída, voltou a traficar drogas. Ele foi autuado em flagrante na Linha Tigre na posse de drogas.

Outro preso foi um homem de 21 anos, autuado em flagrante no Bairro São João por tráfico de drogas. Ele estava na posse de drogas, munição calibre 9mm e celulares.

Participaram da operação o Núcleo do NOC/K9 da Polícia Civil de Criciúma, o Saer Sul da PCSC e policiais civis de Cocal do Sul, Urussanga, Morro da Fumaça, Orleans e Lauro Muller.

Continue Lendo

Polícia

Ladrões voltam a furtar estruturas públicas em Içara

Publicado

em

Ouça esta matéria

As estruturas públicas de Içara voltaram a ser alvo de ladrões nos últimos dias. Há alguns meses, os criminosos furtaram tampas de bocas de lobo, com prejuízo superior a R$ 10 mil reais. Agora, foram três portas de alumínio da recém reformada Unidade de Saúde da Família do bairro Raichaski, cuja obra nem chegou a ser inaugurada, além da fiação utilizada na iluminação do Complexo Esportivo Ergínio Januário Borges, o Módulo Esportivo.

As três portas custaram aos cofres públicos o valor de R$ 545,37 reais enquanto na estrutura elétrica do módulo, há poucos meses foi feito um investimento superior a R$ 6 mil reais para reativar a iluminação do campo, permitindo que o espaço pudesse ter uso noturno para caminhadas. Para ambos furtos, foi feito registro de Boletim de Ocorrência na Polícia Civil.

Continue Lendo

Mais vistos

© Copyright 2007-2021 sulnoticias.com