Conecte-se conosco

Política

Extinta ação que pedia a cassação da bancada do MDB em Içara

Publicado

em

Ouça esta matéria

Está extinta a ação impetrada pelo vereador em Exercício Rodrigo Gonçalves (PP) e que pedia a cassação da Bancada do MDB de Içara. A ação  questionava uma fraude na cota de gênero na eleição de 2020 na cidade. A alegação é que teriam sido utilizadas candidaturas laranjas para atingir a cota de 30% de candidaturas femininas exigidas pela legislação.

Se a ação fosse julgada procedente o documento que homologa as candidaturas seria anulado e junto todas as candidaturas. Com isso os votos passariam a ser considerados nulos, os eleitos perderiam o mandato e a Justiça Eleitoral definiria a recomposição das cadeiras no legislativo.

No entanto, na decisão publicada hoje o Juiz Fernando de Medeiros Ritter sentenciou ” Os fatos demonstrados não são aptos para a caracterizar fraude à lei, indispensável para a configuração do objeto da demanda. Esta Corte já se pronunciou no sentido de que o fato de candidatas alcançarem pequena quantidade de votos, não realizarem propaganda eleitoral, ou, ainda, oferecerem renúncia no curso das campanhas, não é condição suficiente, por si só, para caracterizar burla ou fraude à norma, sob pena de restringir-se o exercício de direitos políticos com base em mera presunção. (…) No mais, além de prejudicado pela improcedência, sequer há condições indispensáveis para o regular trâmite do pedido de responsabilização dos dirigentes partidários por eventual fraude, pois ausente o interesse de agir, tendo em vista a inadequação da via eleita (…) JULGO EXTINTO O FEITO SEM RESOLUÇÃO DO MÉRITO em relação ao partido Movimento Democrático Brasileiro de Içara/SC”, concluiu

Continue Lendo
Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política

PSB anuncia Fábrio Brezola com pré-candidato à Alesc em 22

Publicado

em

Ouça esta matéria

Com a saída de Cleiton Salvaro do partido o PSB tratou logo de preencher o espaço. Em nota encaminhada a Imprensa o PSB anunciou o nome do empresário e ex-candidato a prefeito de Criciúma Fábrio Brezola como nome para disputar uma vaga na Assembleia Legislativa do Estado pela região Sul de Santa Catarina.

Lançamento oficial da pré-candidatura foi realizado nesta quinta-feira e a partir de agora o partido pretende começar a trabalhar o nome de Brezola como alternativa e referência de renovação para a representatividade da região no parlamento Catarinense.

Continue Lendo

Política

Aroldinho Frigo é um dos novos nomes do PSDB para uma cadeira na Alesc

Publicado

em

Ouça esta matéria

O vereador neoveneziano Aroldo Frigo Júnior, mais conhecido como Aroldinho, do PSDB, colocou o nome à disposição do partido para concorrer a uma cadeira na Assembleia Legislativa nas eleições de 2022. O parlamentar, que está no seu terceiro mandato como vereador em Nova Veneza, já está trabalhando internamente a questão. É formado em Administração de Empresas com habilitação em Comércio Exterior e em Direito pela Universidade do Extremo Sul Catarinense. Nas últimas eleições municipais foi mais uma vez o vereador mais votado. Na última semana, o vereador reuniu lideranças tucanas neovenezianas para buscar apoio da sigla. Novas reuniões regionais devem ser marcadas para fortalecer o seu nome para concorrer a vaga.

A convicção vem do fato de seu projeto político que começa a ser desenhado com traços mais acentuados vir recebendo adesões importantes tanto na cidade onde tem seu domicílio eleitoral como do prefeito Rogério Frigo e vereadores, de colegas de vereança de outras cidades, além de lideranças de outras siglas, entidades voltadas a cultura italiana.

“Pelo amor que tenho por trabalhar em prol do cidadão. Durante esses anos venho adquirindo experiência e quero fazer mais pela região Sul. Não precisamos ter partidos novos e sim, pessoas novas que buscam um novo espaço. Chegou o momento do PSDB oxigenar, renovar e estou preparado para enfrentar esse desafio como pré-candidato a deputado estadual e se eleito, representar o Sul Catarina na Alesc. Sou jovem com vontade, garra e determinação”, pontua Aroldinho. 

O pré-candidato também tem importante serviço dedicado às áreas culturais e econômicas da cidade. Entre as ações como vereador que abrange regionalmente, a conquista de abrir o Cartório de Registro de Imóveis para atender os municípios de Nova Veneza, Siderópolis e Treviso, beneficiando a população que necessita dos serviços. Outra ação é a busca por eficiência energética e a primeira estação de recarga de carros elétricos e híbridos em parceria com o setor público privado. 

Aroldinho destaca também a importância de ouvir os vereadores sobre a demanda municipalista. “Se tiver a oportunidade de ocupar uma cadeira na Assembleia quero ser municipalista, estar mais próximo da população e, em especial, dar atenção aos vereadores. Eles são os porta-vozes das cidades”, afirma.

Continue Lendo

Política

No PSDB, Cleiton Salvaro mira vaga na Alesc em 2022

Publicado

em

Ouça esta matéria

O Suplente de Deputado Cleiton Salvaro assinou ficha nesta terça-feira no PSDB, mesmo partido onde já estão os primos Clésio e Franqui Salvaro, prefeitos de Criciúma e Siderópolis respectivamente. Agora no ninho Tucano, Cleiton quer fortalecer o nome e tentar garantir a indicação do seu nome para disputa de uma vaga na Assembleia Legislativa de Santa Catarina.

“Fico muito grato pela maneira como o PSDB me recebeu. Agora vou trabalhar, procurar meu espaço e mostrar que tenho condições de representar o partido no processo eleitoral para voltar a representar a região na Alesc”, avisa.

“E estamos muito satisfeitos com a chegada do Cleiton”, comemora a presidente do PSDB Geovania de Sá, acrescentando que a sigla sempre terá espaço para pessoas trabalhadoras e realmente comprometidas com o desenvolvimento de Santa Catarina.

Em 2014, fundou o Partido Socialista Brasileiro (PSB) em Criciúma e, naquele mesmo ano, concorreu a uma das vagas de deputado estadual para a Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina (ALESC). Foi eleito com 14.986 votos para a 18ª Legislatura (2015-2019).

Durante o mandato, liderou a bancada do Bloco Frente Renovação e foi vice-presidente da Frente Parlamentar das Micro e Pequenas Empresas. Propôs e coordenou a implantação da Frente Parlamentar pelo Desenvolvimento da Mesorregião Sul Catarinense.

“Eu deixei o PSB porque o partido está se aproximando demais da esquerda e meus ideais são de centro direita, muito mais próximos do PSDB”, justifica Cleiton.

Continue Lendo

Mais vistos

© Copyright 2007-2021 sulnoticias.com