Conecte-se conosco

Últimas

Livro vai resgatar os 15 anos do museu de Zoologia

Publicado

em

Ouça esta matéria

Sorrisos, brincadeiras e apresentações culturais marcaram a comemoração dos 15 anos do Museu de Zoologia da Unesc Morgana Cirimbelli Gaidzinski. Durante o encontro, que ocorreu na tarde desta terça-feira (26/9), o Museu lançou o seu primeiro livro infantil. “Pintado, o Mascote do Museu”, é uma obra da Editora Unesc, resultado da parceria entre o Museu e a Polícia Militar Ambiental, escrito pela professora Morgana, com ilustração de Vamber Cabral e que será distribuído gratuitamente para a comunidade.

A obra visa estimular o interesse das crianças pelo conhecimento sobre a fauna da mata atlântica e sensibilizar para a preservação deste importante bioma por meio da leitura. “Ela apresenta os principais impactos ambientais responsáveis pela perda de nossa biodiversidade, motivo pelo qual as espécies animais vem sendo depositadas no acervo do Museu”, comentou a coordenadora do Museu, Morgana Cirimbelli Gaidzinski.

O livro narra a vida de Pintado – um gato-maracajá, animal símbolo do Museu da Unesc –  em seu habitat natural, a Mata Atlântica e a sua chegada ao Museu de Zoologia, local onde passa a viver desempenhando um importante papel na educação ambiental, estabelecendo uma relação de interação com os visitantes na construção do conhecimento, levando de forma lúdica e divertida a mensagem do Museu de preservação e respeito à vida.

O vice-reitor da Unesc, Daniel Preve, parabenizou a equipe do Museu pelo desenvolvimento do trabalho. “Há 15 anos eu tive o prazer de participar da inauguração do espaço do Museu em nossa Universidade. E naquele momento, não se haviam dúvidas de onde o museu poderia chegar. Mas nenhum de nós imaginaríamos toda essa grandeza que pode ser observada nos dias de hoje. E que nós possamos ter daqui a 15 anos uma comemoração ainda maior, com um Museu para além dos muros da nossa Universidade”, comentou.

Geral

Criciúma confirma mais duas mortes por Coronavírus

Publicado

em

Ouça esta matéria

Criciúma

Já são 98 as mortes provocadas pelo novo Coronavírus em Criciúma. Os últimos dois casos foram confirmados nesta quarta-feira, no Boletim Epidemiológico encaminhado à imprensa.

As vítimas desta quarta-feira são uma mulher de 84 anos e outra de 91. As duas vítimas eram portadores de comorbidades e estavam internadas em leitos de UTI. Nos últimos dois dias foram cinco mortes confirmadas na cidade.

Continue Lendo

Polícia

PRF flagra pássaros silvestres em caixas de leite

Publicado

em

Ouça esta matéria

Tubarão

Policiais Rodoviários Federais prenderam um homem por crime ambiental. Eles faziam uma blitz de rotina quando um motorista de um polo de Criciúma desobedeceu a ordem de parada. Ele acabou parando o carro cerca de 300 metros a frente da barreira Policial e tentou dispensar em um matagal uma caixa de papelão.

O motorista foi contido e a caixa recuperada.  Nela os policiais encontraram dez caixas de leite. Dentro das embalagens estão escondidos dez pássaros Silvestres. Foram recuperados sete Bicos de Pimenta e outras três Trinca Ferro. O homem de 44 anos contou a Polícia que havia comprado as aves em Florianópolis e estava levando para Criciúma.

Diante dos fatos ele foi levado a delegacia para os procedimentos legais. 

Continue Lendo

Economia

Criciúma e Içara lideram a geração de empregos na Amrec

Publicado

em

Ouça esta matéria

Criciúma

Dados divulgados pelo Caged, o  Cadastro Geral de Empregados e Desempregados, mostram que Criciúma e Içara foram os grandes responsáveis por impulsionar a geração de empregos na Amrec ao longo do Mês de agosto. Juntas as duas cidades geraram mais da metade dos 1,473 empregos criados nos 12 municípios da região.

Segundo o relatório Criciúma terminou agosto criando 535 vagas com carteira assinada. Içara aparece em segundo com 383. Também terminaram com saldo positivo os municípios de Urussanga (127), Siderópolis (124), Nova Veneza (114) Forquilhinha (106), Morro da Fumaça (54), Treviso (20), Orleans (13) e Cocal do Sul (12). Saldo negativo apenas em Lauro Müller (-5) e Balneário Rincão (-10).

No acumulado do ano Içara se destaca

Quando os dados levam em conta todas as vagas criadas de janeiro até agosto o grande destaque acaba ficando com Içara. Impulsionada pela vinda de grandes empresas como Atacadão e Combo a cidade acumula saldo positivo de 495 vagas. A cidade é seguida de Forquilhinha que acumula a criação de  442 vagas e Urussanga, com saldo positivo de 400 novos postos de trabalho. Nesse quesito Criciúma é o destaque negativo com o fechamento de mais de mil postos de trabalho.

Confira os dados no acumulado do ano.

Continue Lendo

Mais vistos

© Copyright 2007-2021 sulnoticias.com