Conecte-se conosco

Polícia

Mineiro morre em acidente de trabalho em Treviso

Publicado

em

Um mineiro de 39 anos morreu na madrugada desta segunda-feira na Carbonífera Metropolitana em Treviso. Alexandre Galdino, 39, estava na empresa havia seis meses. Ele teria sido atropelado por um veículo de transporte de carvão enquanto atuava em uma frente de trabalho no subsolo.

Galdino atuava como auxiliar de perfuratriz. Ele teria sido colhido por um LHD Toro, que leva o carvão até a esteira principal. O Samu chegou a ser acionado, mas quando chegou o trabalhador já estava sem vida. Os trabalhos na unidade estão suspensos durante 24 horas.

Em Nota, a direção da Carbonífera comentou o ocorrido.

“A Carbonífera Metropolitana informa que, por volta da zero hora desta segunda-feira, 03 de julho, ocorreu um acidente de trabalho que envolveu nosso colaborador Alexandre Galdino, de 39 anos, que exercia a função de Auxiliar de Perfuratriz de Teto. No acidente, o trabalhador foi atingido por uma máquina transportadora de carvão durante o seu turno de trabalho na Mina Fontanella, no município de Treviso-SC. De imediato as equipes de socorro chegaram ao local, mas devido à gravidade dos ferimentos o mesmo veio a óbito ainda no subsolo. As causas do acidente estão sendo apuradas pela empresa e pelos Órgãos competentes, sendo que informações mais precisas sobre as circunstâncias do acidente dependerão dessa investigação”

Polícia

Preso segundo acusado de atacar transsexual em Içara

Publicado

em

Içara

A Polícia Civil capturou nesta terça-feira o segundo acusado de atacar a facadas a transsexual Rebeka Curts. O crime foi registrado na madrugada do último dia 17, em Içara. O crime teria ocorrido após uma chamada por um cliente. Ela foi atacada dentro do carro, mas conseguiu fugir e pedir ajuda. O primeiro envolvido no caso foi detido na última sexta-feira. Agora, com os dois suspeitos detidos a Polícia encaminhou o inquérito para o Ministério Público.

Durante a agressão, Rebeka recebeu pelo menos 30 punhaladas no rosto e na cabeça. Depois de ser atendida e liberada pelos médicos ele chegou a realizar um ato em frente ao Fórum de Criciúma pedindo justiça. Ela entende ter sido vítima de violência por sua opção sexual. Ela afirma que esta não foi a primeira vez que acabou agredida na região.

Continue Lendo

Polícia

Homem é condenado por feminicídio em Içara

Publicado

em

Içara

Um homem de 50 anos foi condenado a 26 anos de prisão, em sessão do júri promovida na última quinta-feira (22/10) na comarca de Içara. Segundo os autos, o crime aconteceu em fevereiro de 2019, quando o homem teria desferido contra a mulher socos, chutes e golpes violentos com instrumento contundente, que provocaram diversas lesões como trauma cranioencefálico e politraumas intensos, suficientes para a morte da vítima. A vítima não teria esboçado reação por fazer uso de medicamentos controlados.

Durante a madrugada, o homem acionou o atendimento médico de urgência e alegou que a mulher estava desacordada há muitas horas, e que teria ingerido uma grande quantidade de remédios numa suposta tentativa de suicídio. Porém, segundo os depoimentos dos socorristas, o corpo apresentava marcas de violência, além de sinais de rigidez, que indicavam que a morte havia ocorrido há mais de oito horas. Já o laudo pericial cadavérico apontou diversas lesões, fraturas em ossos, feridas no rosto, cabeça, tronco e membros, além de queimaduras de 1º grau. 

O Conselho de Sentença reconheceu como qualificadoras homicídio o emprego de meio cruel e tortura, recurso que dificultou a defesa da vítima e feminicídio. O réu foi condenado a 26 anos de reclusão, em regime inicial fechado. Cabe recurso da decisão

Continue Lendo

Polícia

Civil indicia homem por roubo armado em distribuidora

Publicado

em

Criciúma

A Divisão de Repressão à Roubos da Polícia Civil de Criciúma (DRR/DIC), coordenada pelo Delegado Yuri Miqueluzzi, finalizou investigação de roubo em comércio no bairro Cidade Mineira Nova, em Criciúma.

O crime ocorreu em junho deste ano, no período noturno. Uma dupla chegou em uma motocicleta. Um dos autores ingressou armado e anunciou o assalto de forma violenta. Duas pessoas foram rendidas e obrigadas a entregar valores em dinheiro e aparelhos celulares. A dupla fugiu em seguida.

A investigação identificou o autor (20 anos) que ingressou armado no local. Em seu interrogatório, negou a autoria do crime. Foi indiciado pelo roubo majorado pelo uso de arma de fogo e concurso de pessoas. A Polícia Civil representou por medidas cautelares contra o investigado.

Continue Lendo

Mais vistos