Conecte-se conosco

Economia

Petrobras reduz preço da gasolina em 15%

Publicado

em

Criciúma

A Petrobras reduz a partir desta quarta-feira (25) o preço da gasolina nas refinarias. Segundo comunicado emitido hoje pela Companhia o preço será reduzido em 15%. O diesel não sofrerá alterações de preço. 

Essa é a terceira redução seguida. Na semana passada, no dia 19, a empresa já havia anunciado uma redução de 12% da gasolina e de 7,5% no litro do diesel. 

A queda no preço reflete o mercado internacional do petróleo, que está bastante afetado em função do Coronavírus.

Continue Lendo
Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Economia

Estimativa de crescimento da economia cai para 1,99%

Publicado

em

Brasília

As instituições financeiras consultadas pelo Banco Central (BC) aumentaram a projeção para a inflação e reduziram a estimativa de crescimento da economia.

A projeção para a expansão do Produto Interno Bruto (PIB) – a soma de todos os bens e serviços produzidos no país – caiu de 2,17% para 1,99% em 2020, na quarta redução consecutiva. A estimativa das instituições financeiras para os anos seguintes – 2021, 2022 e 2023 – permanece em 2,50%.

Inflação

A estimativa para a inflação, medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), subiu de 3,19% para 3,20%. A informação consta no boletim Focus, pesquisa semanal do BC que traz as projeções de instituições para os principais indicadores econômicos.

Para 2021, a estimativa de inflação se mantém em 3,75%. A previsão para os anos seguintes também não teve alterações: 3,50% em 2022 e 2023.

A projeção para 2020 está abaixo do centro da meta de inflação que deve ser perseguida pelo BC. A meta, definida pelo Conselho Monetário Nacional, é 4% em 2020. Para 2021, a meta é 3,75% e para 2022, 3,50%. O intervalo de tolerância para cada ano é 1,5 ponto percentual para cima ou para baixo, ou seja, em 2020, por exemplo, o limite mínimo da meta de inflação é 2,5% e o máximo, 5,5%.

Para alcançar a meta de inflação, o Banco Central usa como principal instrumento a taxa básica de juros, a Selic, atualmente em 4,25% ao ano. Para o mercado financeiro, a Selic deve ser mantida no atual patamar até o fim do ano. Em 2021, a expectativa é de aumento da taxa básica, encerrando o período em 5,5% ao ano. Na semana passada, a previsão estava em 5,75% ao ano, ao final de 2021. Para o fim de 2022 e 2023, a previsão foi mantida em 6,5% ao ano.

Quando o Comitê de Política Monetária (Copom) reduz a Selic, a tendência é que o crédito fique mais barato, com incentivo à produção e ao consumo, reduzindo o controle da inflação e estimulando a atividade econômica.

Quando o Copom aumenta a taxa básica de juros, o objetivo é conter a demanda aquecida, e isso causa reflexos nos preços porque os juros mais altos encarecem o crédito e estimulam a poupança. Já a manutenção da Selic indica que o Copom considera as alterações anteriores suficientes para chegar à meta de inflação.

Dólar

A previsão do mercado financeiro para a cotação do dólar permanece em R$ 4,20 para o fim deste ano e subiu de R$ 4,15 para R$ 4,20, ao fim de 2021.

Continue Lendo

Economia

Projeto da nova área industrial de Criciúma segue em ritmo acelerado

Publicado

em

Criciúma

Com o intuito de fomentar ainda mais a economia do município, o Governo de Criciúma está com o projeto de implementação da nova área industrial, localizada no bairro Verdinho e que já está próximo da fase final. A previsão de inauguração é para o primeiro trimestre de 2021, podendo gerar aproximadamente 500 novos empregos.

A área conta com 20 lotes, variando de três a 20 mil metros quadrados e se encontra no mesmo terreno do Centro de Tradições Gaúchas (CTG) Pedro Raimundo. A Casa do Empreendedor está responsável pelos trâmites do processo. Criciúma já possui cinco áreas industriais, localizadas nos bairros Cristo Redentor, Rio Maina, Laranjinha, Linha Batista e Recanto Verde.

“Temos a expectativa de quando o loteamento estiver pronto, outros sejam encaminhados e lançados. Sempre com o objetivo de gerar emprego e renda na cidade”, comentou o coordenador da Casa do Empreendedor, Agenor Brunel.

Casa do Empreendedor

O setor da Prefeitura de Criciúma traz facilidades aos munícipes, como a emissão de alvarás de forma online, a formalização de uma MEI e de profissionais autônomos feita em até três dias, entre outros serviços. Além de incentivar a geração de empregos o empreendedorismo no município.

Continue Lendo

Economia

Unesc vai ajudar a potencializar o turismo do Extremo Sul

Publicado

em

Araranguá

A Unesc Araranguá e o Consórcio Intermunicipal Caminhos dos Cânions do Sul estão fortalecendo parcerias e trabalhando juntos pelo desenvolvimento do turismo na região. A manhã desta sexta-feira (20/11) foi marcada por mais um momento de aproximação entre as duas instituições, com a visita do diretor executivo do Consórcio, Gislael Floriano, à Unidade Araranguá. O profissional é responsável pela gestão do Geoparque Aspirante Caminhos dos Cânions do Sul.

Entre as ações já projetadas, a Universidade e o Consórcio Intermunicipal vão propor projetos de empreendedorismo e mentoria, sempre com foco no turismo. “O objetivo é, inicialmente, trabalhar o trade turístico dos municípios catarinenses pertencente ao Geoparque. Após as primeiras ações, este trabalho será expandido para todos os municípios pertencentes ao Consórcio e a Amesc (Associação dos Municípios do Extremo Sul Catarinense)”, explica diretora da Unesc Araranguá, Izabel Regina de Souza.

O trade turístico é um conjunto ações estruturais para o desenvolvimento dos produtos turísticos, como hospedagem, restaurantes, museus, parques ecológicos e outros espaços. “Serão projetos que também podem qualificar a mão de obra e a gestão local. Vamos ouvir cada segmento para entender suas dificuldades e seus objetivos, e posteriormente propor ideias e capacitações”, conta a diretora.

A estimativa é que as ações comecem no início em 2021. Até lá, a Unidade Araranguá também desenvolve ações pelo fortalecimento de outros segmentos do Extremo Sul de Santa Catarina. Este movimento de aproximação ganhou mais um capítulo positivo na tarde desta quarta-feira (18/11), quando a Instituição acolheu representantes sindicais e líderes das cidades da região para dialogar sobre o agora e o futuro no 1º Encontro do Agronegócio. Na oportunidade, os convidados conheceram a estrutura física e de inteligência oferecida pela Universidade, assim como o novo curso de Gestão do Agronegócio.

Continue Lendo

Mais vistos

© Copyright 2007-2020 sulnoticias.com