Conecte-se conosco

Economia

Sicredi entrega nova agência para associados no centro de Criciúma

Publicado

em

Criciúma

Um complexo que reúne ambientes de atendimento, coworking, espaço café e salas para reuniões que podem ser reservadas pelos associados. Para apresentar esse conceito de atendimento e marcar o início das atividades da nova agência Criciúma Centro, o Sicredi reuniu associados, dirigentes e autoridades na noite da última sexta-feira, 29.

O evento de inauguração promovido pela Instituição Financeira Cooperativa contou com homenagens e falas que relembraram a sua história. “Parte da trajetória da agência do centro de Criciúma se confunde com a da própria Cooperativa. No início tínhamos apenas essa agência. Hoje, nossos associados já possuem 15 pontos de atendimento no sul do estado, sem contar os outros 1.700 postos espalhados pelo país”, disse Aloísio Westrup, presidente da Sicredi Sul SC, durante a cerimônia.

As funcionalidades do espaço também foram enaltecidas. “Além das dezoito vagas de estacionamento, bicicletário e comodidade para o associado chegar, ligar o seu computador e trabalhar, teremos um time pronto para garantir que todas as necessidades financeiras do sócio sejam resolvidas aqui. Para isso temos consultores e mais de 300 soluções que vão além do crédito”, garantiu Francisco Cardoso, gerente da agência.

A solenidade contou ainda com uma homenagem ao empresário Diomício Freitas, que durante duas décadas viveu no mesmo endereço onde o espaço de atendimento foi edificado. Foi descerrada uma placa com a imagem e a história do político em um dos espaços de convivência da agência. “Essa homenagem é uma demonstração de gratidão aos nossos antepassados que nos geraram e deixaram um legado maravilhoso para a cidade, além de lições de vida”, afirmou Paulo Agrício Freitas, engenheiro aposentado e filho de Diomício. 

Mudança de horário e endereço

A nova agência Sicredi Criciúma Centro está localizada na avenida Ruy Barbosa, 345, centro de Criciúma. Ela abrirá as portas oficialmente nesta segunda, 02, das 10h às 17h. Com a mudança, a antiga estrutura localizada na rua Marechal Deodoro foi desativada.

Continue Lendo
Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Economia

Estimativa de crescimento da economia cai para 1,99%

Publicado

em

Brasília

As instituições financeiras consultadas pelo Banco Central (BC) aumentaram a projeção para a inflação e reduziram a estimativa de crescimento da economia.

A projeção para a expansão do Produto Interno Bruto (PIB) – a soma de todos os bens e serviços produzidos no país – caiu de 2,17% para 1,99% em 2020, na quarta redução consecutiva. A estimativa das instituições financeiras para os anos seguintes – 2021, 2022 e 2023 – permanece em 2,50%.

Inflação

A estimativa para a inflação, medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), subiu de 3,19% para 3,20%. A informação consta no boletim Focus, pesquisa semanal do BC que traz as projeções de instituições para os principais indicadores econômicos.

Para 2021, a estimativa de inflação se mantém em 3,75%. A previsão para os anos seguintes também não teve alterações: 3,50% em 2022 e 2023.

A projeção para 2020 está abaixo do centro da meta de inflação que deve ser perseguida pelo BC. A meta, definida pelo Conselho Monetário Nacional, é 4% em 2020. Para 2021, a meta é 3,75% e para 2022, 3,50%. O intervalo de tolerância para cada ano é 1,5 ponto percentual para cima ou para baixo, ou seja, em 2020, por exemplo, o limite mínimo da meta de inflação é 2,5% e o máximo, 5,5%.

Para alcançar a meta de inflação, o Banco Central usa como principal instrumento a taxa básica de juros, a Selic, atualmente em 4,25% ao ano. Para o mercado financeiro, a Selic deve ser mantida no atual patamar até o fim do ano. Em 2021, a expectativa é de aumento da taxa básica, encerrando o período em 5,5% ao ano. Na semana passada, a previsão estava em 5,75% ao ano, ao final de 2021. Para o fim de 2022 e 2023, a previsão foi mantida em 6,5% ao ano.

Quando o Comitê de Política Monetária (Copom) reduz a Selic, a tendência é que o crédito fique mais barato, com incentivo à produção e ao consumo, reduzindo o controle da inflação e estimulando a atividade econômica.

Quando o Copom aumenta a taxa básica de juros, o objetivo é conter a demanda aquecida, e isso causa reflexos nos preços porque os juros mais altos encarecem o crédito e estimulam a poupança. Já a manutenção da Selic indica que o Copom considera as alterações anteriores suficientes para chegar à meta de inflação.

Dólar

A previsão do mercado financeiro para a cotação do dólar permanece em R$ 4,20 para o fim deste ano e subiu de R$ 4,15 para R$ 4,20, ao fim de 2021.

Continue Lendo

Economia

Projeto da nova área industrial de Criciúma segue em ritmo acelerado

Publicado

em

Criciúma

Com o intuito de fomentar ainda mais a economia do município, o Governo de Criciúma está com o projeto de implementação da nova área industrial, localizada no bairro Verdinho e que já está próximo da fase final. A previsão de inauguração é para o primeiro trimestre de 2021, podendo gerar aproximadamente 500 novos empregos.

A área conta com 20 lotes, variando de três a 20 mil metros quadrados e se encontra no mesmo terreno do Centro de Tradições Gaúchas (CTG) Pedro Raimundo. A Casa do Empreendedor está responsável pelos trâmites do processo. Criciúma já possui cinco áreas industriais, localizadas nos bairros Cristo Redentor, Rio Maina, Laranjinha, Linha Batista e Recanto Verde.

“Temos a expectativa de quando o loteamento estiver pronto, outros sejam encaminhados e lançados. Sempre com o objetivo de gerar emprego e renda na cidade”, comentou o coordenador da Casa do Empreendedor, Agenor Brunel.

Casa do Empreendedor

O setor da Prefeitura de Criciúma traz facilidades aos munícipes, como a emissão de alvarás de forma online, a formalização de uma MEI e de profissionais autônomos feita em até três dias, entre outros serviços. Além de incentivar a geração de empregos o empreendedorismo no município.

Continue Lendo

Economia

Unesc vai ajudar a potencializar o turismo do Extremo Sul

Publicado

em

Araranguá

A Unesc Araranguá e o Consórcio Intermunicipal Caminhos dos Cânions do Sul estão fortalecendo parcerias e trabalhando juntos pelo desenvolvimento do turismo na região. A manhã desta sexta-feira (20/11) foi marcada por mais um momento de aproximação entre as duas instituições, com a visita do diretor executivo do Consórcio, Gislael Floriano, à Unidade Araranguá. O profissional é responsável pela gestão do Geoparque Aspirante Caminhos dos Cânions do Sul.

Entre as ações já projetadas, a Universidade e o Consórcio Intermunicipal vão propor projetos de empreendedorismo e mentoria, sempre com foco no turismo. “O objetivo é, inicialmente, trabalhar o trade turístico dos municípios catarinenses pertencente ao Geoparque. Após as primeiras ações, este trabalho será expandido para todos os municípios pertencentes ao Consórcio e a Amesc (Associação dos Municípios do Extremo Sul Catarinense)”, explica diretora da Unesc Araranguá, Izabel Regina de Souza.

O trade turístico é um conjunto ações estruturais para o desenvolvimento dos produtos turísticos, como hospedagem, restaurantes, museus, parques ecológicos e outros espaços. “Serão projetos que também podem qualificar a mão de obra e a gestão local. Vamos ouvir cada segmento para entender suas dificuldades e seus objetivos, e posteriormente propor ideias e capacitações”, conta a diretora.

A estimativa é que as ações comecem no início em 2021. Até lá, a Unidade Araranguá também desenvolve ações pelo fortalecimento de outros segmentos do Extremo Sul de Santa Catarina. Este movimento de aproximação ganhou mais um capítulo positivo na tarde desta quarta-feira (18/11), quando a Instituição acolheu representantes sindicais e líderes das cidades da região para dialogar sobre o agora e o futuro no 1º Encontro do Agronegócio. Na oportunidade, os convidados conheceram a estrutura física e de inteligência oferecida pela Universidade, assim como o novo curso de Gestão do Agronegócio.

Continue Lendo

Mais vistos

© Copyright 2007-2020 sulnoticias.com