Conecte-se conosco

Variedades

Cocalfest 2021 termina com saldo positivo

Publicado

em

Ouça esta matéria

A Cocalfest é um evento tradicional, que acontece todos os anos, promovido pelo Governo de Cocal do Sul, que tem o objetivo de resgatar as origens, tradições e costumes através da cultura e gastronomia típica, em alusão ao aniversário da cidade. Neste ano, a festa aconteceu no Centro de Eventos e contou com a presença do público nos três dias, de sexta a domingo. Shows locais não só embalaram a oitava edição do evento como também mostraram os talentos na música que a cidade possui.

A noite de sexta-feira (24) abriu a oitava edição da Cocalfest, com o 1º Festival da Canção, no qual 15 músicos com composições autorais e inéditas se inscreveram e foram avaliados por cinco jurados. Jorge Nando foi quem garantiu a primeira colocação, levando o prêmio de mil reais, a gravação da sua música e também um videoclipe. Jorge Fidélis ficou em segundo lugar, levando para casa o prêmio de R$ 800,00 e Vittor Souza com a banda Rock Retrô, ocupando o 3º lugar, ficaram com prêmio de R$ 500,00.

Após o festival, o cantor Filipe Martyn se apresentou em um show acústico, com um repertório sertanejo e animando o público, que se manteve sentado e seguindo todas as normas sanitárias para a realização do evento. Toda a programação da Cocalfest foi transmitida ao longo dos três dias através de live nas redes sociais da Prefeitura.

A Cocalfest contou com o apoio das Vigilâncias Sanitária e Epidemiológica, polícias Civil e Militar, Defesa Civil e Secretaria de Saúde, garantindo a segurança de todos. Devido à pandemia, a ocupação também foi limitada. A gastronomia foi variada e todo o lucro arrecadado foi destinado às entidades pertencentes ao município, que são ONGs, associações de moradores e instituições.

No sábado, a manhã foi cheia de diversão com as Olimpíadas Coloniais, na qual o grupo da terceira idade participou. Foram diversas provas que iam desde corrida no carrinho de mão até arremesso do milho. Os idosos foram divididos em três grupos e conforme iam realizando as provas, iam sendo premiados com medalhas.

Muitos shows locais também embalaram o sábado, desde a manhã até à noite, com Deivid Della Bruna, Vittor Souza, Maurício Onofre, Ozel Rock, Arthur Villar, Heck Laurindo e Valmício de Pieri. As crianças também participaram de uma tarde repleta de atrações, no Salão Paroquial.

O domingo, dia do aniversário da cidade, iniciou com a missa especial celebrada pelo padre Jiovani Manique Barreto. Logo em seguida, as autoridades, ao lado da Corte da Cocalfest e Corte da 3ª idade, se reuniram para o corte do bolo. O primeiro prefeito do município, Ítalo Rafael Zacccaron, foi quem acendeu a vela e todos cantaram os parabéns.

O dia seguiu com brinquedos na área de lazer e Trenzinho da Alegria, programação voltada ao público infantil, além de shows no Centro de Eventos, com Maicon Lilo, Giovani e Patrícia e DJ Lukas Carara. Também teve momento de muito louvor e fé, com a tarde gospel, onde algumas bandas se apresentaram, reunindo diversas religiões.

Às 18h, foi o encerramento da programação da Cocalfest na inauguração do tão sonhado pronto atendimento 24 horas, na Unidade de Referência, na área central da cidade. Em uma cerimônia emocionante, foi dado início aos trabalhos que agora funcionarão todos os dias 24 horas, atendendo a uma demanda de muitos anos.

Continue Lendo
Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Variedades

Museu do Imigrante recebe exposição sobre infância de Nova Veneza

Publicado

em

Ouça esta matéria

O Museu do Imigrante Cônego Miguel Giacca, de Nova Veneza, contará com uma nova exposição fotográfica a partir do próximo domingo (09). Intitulada “Viagem no Tempo, a Infância em Nova Veneza”, a exposição terá imagens sobre a infância em Nova Veneza, com fotos antigas do acervo do museu.

O acervo ficará exposto durante todo o mês de outubro, e contará com álbuns de fotografias para que os neovenezianos consigam reconhecer seus antigos amigos e eventos que aconteciam na cidade. “A ideia da exposição é fazer com que as pessoas reflitam sobre a temática e de como é ser criança em Nova Veneza. É uma exposição com imagens do passado e do presente”, pontua a secretária de Cultura, Esporte e Turismo, Carolina Ghislandi.

Mas além de conferir as fotografias, as pessoas também podem participar da exposição. “A ideia é que os cidadãos de Nova Veneza se reconheçam e que possam participar ativamente da intervenção artística que estará no Museu. Por isso, tivemos a ideia de convidar as pessoas a enviarem fotos ou vídeos de quando eram crianças, para que possamos deixar exposto na exposição”, explica a secretária.

Quem tiver interesse em participar, tem duas formas de encaminhar as suas recordações para a Secretaria de Cultura. A primeira opção é enviar os arquivos para o e-mail [email protected] e a segunda forma é diretamente no WhatsApp (48) 9 9683-6808.

Continue Lendo

Variedades

Nova rota de peregrinação brasileira deve iniciar logo no sul de SC

Publicado

em

Ouça esta matéria

nicia nesta sexta-feira pela manhã, 18/10, no espaço Oikos, zona rural de Criciúma, a caminhada experimental da mais nova rota de peregrinação do Brasil, localizada no sul de Santa Catarina. Trata-se do “Caminho Sagrado”, um circuito de sete dias com 170 km partindo de Criciúma, com pernoites em Nova Veneza, Treviso, Urussanga, Pedras Grandes, Morro da Fumaça, Içara e retornando ao ponto de partida. Além destas cidades, o trajeto ainda atravessa por Siderópolis, Treze de Maio e Forquilhinha.

Berço de dezenas de peregrinos que já fizeram o caminho de Santiago e de centenas de apreciadores de grandes caminhadas, a região sul do estado agora acolhe o circuito caminho Sagrado, que está em fase de implantação. Recentemente, houve um encontro do Conselho de Voluntários, onde as primeiras decisões foram tomadas, como a unanimidade do nome. Nesta reunião, também, foram criados grupos de trabalho e seus responsáveis: Comunicação (André, Bressan, Mhanoel e Zanete), Trajeto e parcerias (Cleiton, Humberto, Laércio, Neka e Zico), Sinalização (Beto e Robinho), Padrinhos/madrinhas (André, Neka e Mhanoel).

Uma das primeiras questões do Grupo de Voluntários, além do nome, foi a decisão do propósito do Caminho Sagrado. São eles: espiritualidade, redescoberta, reconexão e transformação. A ideia dos voluntários é usar o denso, a experiência de peregrinar, para acessar o sutil de forma leve e prazerosa. O grupo comenta que o caminho vai oferecer o que a região tem de melhor, que são suas belezas naturais, a história e a cultura, a culinária e a hospitalidade.

De acordo com o Conselho de Voluntários, como o próprio nome diz, o Caminho Sagrado não tem fins lucrativos e é mantido somente por voluntários. Tanto que está aberto para sugestões e para novos apoiadores que podem servir como “padrinho/madrinha”, cuidando do trajeto e dos peregrinos, assim como “vizinho/vizinha”, acolhendo os peregrinos que vão passar próximos às suas propriedades.

A Associação Catarinense dos Amigos do Caminho de Santiago de Compostela (ACACSC), com sede em Florianópolis, é a primeira entidade oficial a reconhecer e apoiar o Caminho Sagrado.

PERNOITES
Anote os dias e o locais de pernoites no caminho experimental do Conselho de Voluntários do Caminho Sagrado:

– Primeiro dia (8/10 – sexta-feira:
. Criciúma (Oikos) x Nova Veneza (Casa das Irmãs) | 17km

–  Segundo dia ( 9/10 – sábado):
. Nova Veneza x Treviso (Pousada Ferrero) | 25 km

– Terceiro dia (10/10 – domingo):
. Treviso (Pousada Ferrero) x Urussanga (Pousada Alice) | 29 km

– Quarto dia (11/10 – segunda-feira):
. Urussanga (Pousada Alice) X Pedras Grandes – Azambuja – (Pousada da Imigração) | 23 km

– Quinto dia (12/12 – terça-feira):
. Pedras Grandes (Pousada da Imigração) x Morro da Fumaça (Parati Hotel) | 30 km

– Sexto dia (13/10 – quarta-feira):
. Morro da Fumaça (Parati Hotel) X Içara (Vob Hotel) | 22 km

– Sétimo dia (14/10 – quinta-feira):
. Içara (Vob Hotel) x Criciúma (Oikos) | 24 km

Continue Lendo

Variedades

Forquilhinha promove a Heimat Show nos dias 9 e 10 de outubro

Publicado

em

Ouça esta matéria

A programação inicia no dia 9 de outubro, das 10h às 16h, com o Kinderplatz (Praça da Criança), em parceria com a CDL Forquilhinha. Às 16h, encerra o dia dedicado às crianças com a peça teatral Histórias de Pulcinella, com a Bike Teatro de Fantoches.Já às 19h, a escolha da nova corte da Heimatfest 2022, na sede do Ideal E.C., terá o tradicional “Leitão na Piscina” com música ao vivo da HeimatMusikanten, de Blumenau e apresentação o Immerfroh FolksTanzGruppe. Os ingressos estão sendo vendidos antecipadamente na secretaria do clube.

E no domingo, dia 10, às 6h, a programação inicia com “Caminhos de Forquilhinha”, uma caminhada de 22 km promovida pela academia DASFIT, com saída do Parque Ecológico São Francisco de Assis e chegada na Praça dos Imigrantes Alemães. Inscrições gratuitas e podem ser feitas pelo contato (48) 99617 3681.

Às 9h, inicia o evento Stammtisch, que faz parte da cultura germânica, é um momento para os grupos de amigos se reunirem em local público, preparando sua própria comida e bebida no local. É uma confraternização coletiva para se encontrarem, conversar, comer, beber e se divertir. O governo municipal, incluiu este evento no calendário anual de atividades. As inscrições são gratuitas e devem ser feitas até o dia 7 de outubro, pelo e-mail: [email protected] ou WhatsApp (48) 99108-2134.

Ainda na programação, a partir das 10h, exposição e encontro de Veículos Especiais e de Coleção. Já as 14h, Show com Heimat Musikanten e passeio gratuito de Trenzinho da Alegria, para as crianças.

E no Parque Ecológico, o restaurante Garten Haus em parceria com o Clube de Mães, promovem um Café Colonial a partir das 15 horas. As reservas devem ser feitas pelo telefone (48) 99911-1103, ao custo de R$ 40 por pessoa.
 “A HeimatShow terá uma programação simples, mas que atende diversos públicos e seguirá todos os cuidados exigidos pela vigilância sanitária. Ele marca o lançamento da HeimatFest 2022, que será realizada em abril e contará com uma programação completa”, comenta o diretor de cultura, Márcio André Eyng.

Continue Lendo

Mais vistos

© Copyright 2007-2021 sulnoticias.com