Conecte-se conosco

Variedades

HSJosé: projeto estimula a prática de atividades físicas entre os colaboradores

Publicado

em

Ouça esta matéria

O dia de trabalho tem começado e encerrado diferente para os colaboradores do setor de higienização e telefonia do Hospital São José, de Criciúma. Eles fazem parte de um projeto piloto de cinesioterapia, um conjunto de exercícios terapêuticos que podem ser realizados, sob orientação do fisioterapeuta, para fortalecer e alongar os músculos, ajudando a prevenir alterações motoras, promover o equilíbrio, aliviar as dores e melhorar a respiração. A iniciativa realizada pelo setor de Medicina do Trabalho do HSJosé, tem entre os principais objetivos, promover a qualidade de vida, o bem-estar, garantir a socialização e prevenir as lesões ocupacionais.

 “Realizamos uma pesquisa com os profissionais dos setores e identificamos as principais lesões registradas no trabalho. Com base nisso, traçamos o tipo de ginástica que iríamos desenvolver a cada jornada e troca de turno. A ideia é que esse trabalho vire rotina e que possa se expandir também para outros setores. Além dos profissionais da higienização e telefonia, os próximos que serão incluídos no projeto serão do setor de nutrição”, explica a fisioterapeuta da medicina do trabalho, Edilene Cleide Rocha.

De acordo com a profissional, a ideia é garantir a prevenção de lesões ocupacionais. “É um momento também de fortalecer as relações interpessoais e também de motivação para continuar fazendo alguma atividade física. Na pesquisa que realizamos, 90% dos profissionais não realizavam nenhum exercício físico. E esta também é uma forma de incentivar esta prática”, afirma Edilene.

A cinesioterapia laboral corresponde a exercícios que podem ser realizados no local de trabalho e que têm como objetivo promover o alongamento dos músculos mais utilizados para realizar a atividade laboral. As aulas de cinesioterapia com os colaboradores ocorrem diariamente, por volta das 7h.

Continue Lendo
Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Variedades

Unesc ainda mais colorida com a realização da ação Primavera e Paz

Publicado

em

Ouça esta matéria

A Unesc que já é colorida ganha ainda mais cor nesta quinta (22/09) e sexta-feira (23/09) com a realização de mais uma edição da ação Primavera e Paz, acompanhada da 22ª Mostra de Orquídeas. Da cor rosa ao amarelo, passando pelo roxo, as flores trazidas pelo casal Manoel Santos da Silva e Vilma Dalmolin, tomaram conta do palco das Quintas Culturais.

Já são 25 anos que os dois saem de Araranguá rumo a Criciúma para expor as plantas que cultivam com tanto amor e carinho. “Começamos como um hobby. Quando eu era criança via que a minha mãe gostava muito de flores, passei a cultivar as orquídeas, evoluímos e deixei a minha outra profissão de topógrafo na prefeitura”, revela Silva.

Manoel e Vilma possuem orquidários em Araranguá e em Morro da Fumaça, já a comercialização das plantas é realizada em casa mesmo. Mas não basta apenas vender uma bela orquídea, é preciso orientar as pessoas sobre o cultivo.  “Ensinamos sobre o habitat, pois cada uma tem o seu espaço. Temos opções para dentro de casa, para a rua e para jardinagem. São vários tipos e, dependendo do que o cliente pretende, nós orientamos”, cita.

Além do Orquidário MS, a Primavera e Paz, que ocorre das 9h às 22h, terá a participação do Coral Unesc. “Vivemos tempos difíceis, nos quais, às vezes, as atitudes se alteram por motivos banais. Cultivar valores e comportamentos como respeito, empatia, reciprocidade, flexibilidade, humildade, integridade e criatividade têm a ver com o ser humano e fazer parte do nosso cotidiano, sendo mais valorizadas, dentro e fora do ambiente de trabalho. Por isso, penso que desenvolver esses projetos de cultura de paz na Unesc, ainda que à primeira vista possam parecer banais, tem o potencial de provocar pausas, abrir diálogos, ser um suspiro e até mesmo modificar o dia de muitas pessoas”, enfatiza a coordenadora do setor de Arte e Cultura da Universidade, Amalhene Baesso Reddig, a Lenita.

Conforme o produtor cultural da Unesc, Maxwell Sandeer, a 22ª edição da Primavera e Paz não é apenas uma mostra de orquídeas. “Trata-se de um momento de reflexão sobre a humanidade,  como vivemos e nos preocupamos com as pessoas. Esta estação simboliza o ciclo da prosperidade”, cita.

Continue Lendo

Variedades

Unesc recebe ator, cineasta e escritor Werner Schünemann para lançamento de livro

Publicado

em

Ouça esta matéria

Após realizar sessões de lançamento do mais novo livro “Alice deve estar viva” por todo o país, o ator, diretor e escritor Werner Schünemann chega a Criciúma na próxima segunda-feira (26/09) para um evento especial na Unesc. O autor participará de uma roda de conversa que abordará o espaço do artista no Brasil, seguida do lançamento do livro. O evento é uma promoção dos cursos de Teatro, Artes Visuais e Letras da Universidade.

O encontro de Werner com a comunidade acadêmica será realizado no Auditório Edson Rodrigues, Bloco P do campus, a partir das 19h. Aberto ao público, o evento contará também com a venda de exemplares da obra lançada no local.

Para a coordenadora do curso de Artes Visuais, Daniele Zacarão, essa será uma excelente oportunidade de estudantes e profissionais trocarem ideias com a percepção de um profissional multifacetado com olhar ampliado sobre a arte nacional e internacional. “Nossa expectativa é de um encontro com trocas enriquecedoras, pois Werner Schünemann é um artista reconhecido nacionalmente, que transita pelas linguagens do teatro, cinema, televisão e agora literatura”, destaca.

Os interessados na temática podem participar do lançamento e da roda de conversa de forma gratuita sem necessidade de inscrição prévia.

Continue Lendo

Variedades

Rifa da fazendinha é sorteada em Nova Veneza

Publicado

em

Ouça esta matéria

A rifa da fazendinha que viralizou em todo o país, após a leitura dos prêmios na Câmara de Vereadores de Nova Veneza, voltou em 2022 com prêmios como galo de bombacha, galinhas, pato e queijos. O sorteio desta edição ocorreu na manhã desta terça-feira (20), na Escola Básica Municipal Bairro Bortolotto. Este ano, os alunos e professores venderam 16.605 bilhetes no valor de R$ 2 cada. 

A diretora da escola, Jussara Sávio, animada com que a edição deste ano foi novamente um sucesso, foi quem anunciava os sorteados através da transmissão ao vivo realizada através das redes sociais da instituição.  Ela ainda destacou que todos os itens foram doações da própria comunidade de Nova Veneza. “Queremos agradecer a todos que nos ajudaram doando animais e todos os outros produtos que foram sorteados hoje. A nossa brincadeira envolve todos os alunos, colaboradores e professores, conseguimos realizar diversas ações com os valores arrecadados”, conta a diretora. 

No ano passado, a rifa ganhou destaque nacional depois que a vereadora Bete Bortolotto, que também é professora na escola, fez a leitura da lista de prêmios na Câmara de Vereadores. “A rifa está na terceira edição e tomou essa proporção porque foi a dedicação de uma grande família, que é a nossa escola. Por isso, somos muito gratos a todos que compraram os bilhetes desde a primeira edição. Vamos conseguir colocar em prática bons projetos que todos os nossos alunos serão beneficiados”, pontua a educadora. 

O prefeito Rogério Frigo prestigiou o sorteio dos prêmios e destacou o envolvimento da comunidade. “A escola está de parabéns, porque mobilizar toda a cidade e fazer chegar a rifa em outros estados é resultado de muita dedicação de toda a comunidade escolar. Hoje, em todos os lugares que vamos, as pessoas perguntam sobre esta iniciativa da escola”, afirma.

Confira a lista de prêmios e sorteados:

  • 1º lugar: galo de bombacha + faisão + 15kg de costela – LURDES SOMARIVA LOCKS
  • 2º lugar: porco + cuca grande + galinha – MARIA DE LOURDES DA SILVA COELHO
  • 3º lugar: porco + codorna + galinha – ELIETE COSTA CORAL
  • 4º lugar: ovelha + galinha – ANA LUCIA JENSEN
  • 5º lugar: bezerro + angolista – SIRLEI POLICARPI
  • 6º lugar: choca com pintinhos + cuca grande + salame + torresmo prensado + torresmo pururuca – ADJALMA MASTELLA
  • 7º lugar: pato + queijo colonial + 02 dúzias de ovos – JOÃO IGOR MARAVAI PADILHA
  • 8º lugar: galo “cabeludo” + queijo colonial + 02 dúzias de ovo – CLAUDETE FÁTIMA CRUZ
  • 9º lugar: galinha + 03kg de bolacha + tábua grande “Quiosque da Célia – ARLINDO DA SILVA
  • 10º lugar: aquário com peixe + 05kg farinha de milho + kit cocada sortidas – HUMBERTO JOSÉ SALVATO
  • 11º lugar: 02kg tilápia + dúzia de ovos + pato – ALINE STEINER
  • 12º lugar: 500gr açúcar mascavo + melado + farinha de milho + salame – IGOR PAULO DA SILVA ABREU(DR.IGOR)
  • 13º lugar: pão de milho + galo + nata + rosca + pão de mel – DILNEI MAZZORANA
  • 14º lugar: salame colonial + salame defumado + torresmo pururuca – KLAUCIANE P. DE LIMA VELHO
  • 15º lugar: bolacha caseira + batata doce + feijão + salame +1/2 dúzia ovos de gansa – MATHEUS GHISLANDI MICHELS
  • Prêmio Extra: mini coelho + 02 queijos – EDUARDA BORDIGNON MORO
  • Prêmio Extra: Ganso sinaleiro + orquídea – PEDRO NATAL NICOLETTI.
Continue Lendo

Mais vistos

© Copyright 2007-2022 sulnoticias.com