Conecte-se conosco

Variedades

Rifa da fazendinha é sorteada em Nova Veneza

Publicado

em

Ouça esta matéria

A rifa da fazendinha que viralizou em todo o país, após a leitura dos prêmios na Câmara de Vereadores de Nova Veneza, voltou em 2022 com prêmios como galo de bombacha, galinhas, pato e queijos. O sorteio desta edição ocorreu na manhã desta terça-feira (20), na Escola Básica Municipal Bairro Bortolotto. Este ano, os alunos e professores venderam 16.605 bilhetes no valor de R$ 2 cada. 

A diretora da escola, Jussara Sávio, animada com que a edição deste ano foi novamente um sucesso, foi quem anunciava os sorteados através da transmissão ao vivo realizada através das redes sociais da instituição.  Ela ainda destacou que todos os itens foram doações da própria comunidade de Nova Veneza. “Queremos agradecer a todos que nos ajudaram doando animais e todos os outros produtos que foram sorteados hoje. A nossa brincadeira envolve todos os alunos, colaboradores e professores, conseguimos realizar diversas ações com os valores arrecadados”, conta a diretora. 

No ano passado, a rifa ganhou destaque nacional depois que a vereadora Bete Bortolotto, que também é professora na escola, fez a leitura da lista de prêmios na Câmara de Vereadores. “A rifa está na terceira edição e tomou essa proporção porque foi a dedicação de uma grande família, que é a nossa escola. Por isso, somos muito gratos a todos que compraram os bilhetes desde a primeira edição. Vamos conseguir colocar em prática bons projetos que todos os nossos alunos serão beneficiados”, pontua a educadora. 

O prefeito Rogério Frigo prestigiou o sorteio dos prêmios e destacou o envolvimento da comunidade. “A escola está de parabéns, porque mobilizar toda a cidade e fazer chegar a rifa em outros estados é resultado de muita dedicação de toda a comunidade escolar. Hoje, em todos os lugares que vamos, as pessoas perguntam sobre esta iniciativa da escola”, afirma.

Confira a lista de prêmios e sorteados:

  • 1º lugar: galo de bombacha + faisão + 15kg de costela – LURDES SOMARIVA LOCKS
  • 2º lugar: porco + cuca grande + galinha – MARIA DE LOURDES DA SILVA COELHO
  • 3º lugar: porco + codorna + galinha – ELIETE COSTA CORAL
  • 4º lugar: ovelha + galinha – ANA LUCIA JENSEN
  • 5º lugar: bezerro + angolista – SIRLEI POLICARPI
  • 6º lugar: choca com pintinhos + cuca grande + salame + torresmo prensado + torresmo pururuca – ADJALMA MASTELLA
  • 7º lugar: pato + queijo colonial + 02 dúzias de ovos – JOÃO IGOR MARAVAI PADILHA
  • 8º lugar: galo “cabeludo” + queijo colonial + 02 dúzias de ovo – CLAUDETE FÁTIMA CRUZ
  • 9º lugar: galinha + 03kg de bolacha + tábua grande “Quiosque da Célia – ARLINDO DA SILVA
  • 10º lugar: aquário com peixe + 05kg farinha de milho + kit cocada sortidas – HUMBERTO JOSÉ SALVATO
  • 11º lugar: 02kg tilápia + dúzia de ovos + pato – ALINE STEINER
  • 12º lugar: 500gr açúcar mascavo + melado + farinha de milho + salame – IGOR PAULO DA SILVA ABREU(DR.IGOR)
  • 13º lugar: pão de milho + galo + nata + rosca + pão de mel – DILNEI MAZZORANA
  • 14º lugar: salame colonial + salame defumado + torresmo pururuca – KLAUCIANE P. DE LIMA VELHO
  • 15º lugar: bolacha caseira + batata doce + feijão + salame +1/2 dúzia ovos de gansa – MATHEUS GHISLANDI MICHELS
  • Prêmio Extra: mini coelho + 02 queijos – EDUARDA BORDIGNON MORO
  • Prêmio Extra: Ganso sinaleiro + orquídea – PEDRO NATAL NICOLETTI.
Continue Lendo
Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Variedades

Colégio Michel tenta bater recorde mundial de tampinhas de garrafas plásticas

Publicado

em

Ouça esta matéria

Michelinos iniciaram hoje a montagem de uma corrente de tampinhas plásticas arrecadadas durante todo o ano para tentar quebrar o recorde mundial de 323 mil tampinhas de uma escola da Arábia Saudita. Os estudantes do Colégio Michel arrecadaram 370 mil tampinhas aproximadamente. Todas foram separadas por cor, com a ajuda dos idosos do Asilo São Vicente de Paulo e colocadas em cordões para a montagem da corrente.

Durante todo o dia as turmas, em forma de revezamento, estão fazendo a junção dos cordões separados por cor, para com a presença de um auditor realizar a contagem e fazer os devidos registros que serão enviados ao Guinness Book.

Todos os anos o michelinos arrecadam tampinhas como parte do projeto Michel Sustentável e também ação social. A ideia de participar do record surgiu após a constatação de que a quantidade arrecadada era bem maior que a do registro do Guinness Book.
Este ano, todas as tampinhas serão vendidas e os recursos serão doados para uma família em desvantagem social.

Continue Lendo

Variedades

Centro Cultural Jorge Zanatta recebe o espetáculo ‘Dentre’ nesta quarta-feira

Publicado

em

Ouça esta matéria

A partir das 20h da próxima quarta-feira (9), o Centro Cultural Jorge Zanatta receberá o espetáculo ‘Dentre’, da Karma Coletivo de Artes Cênicas, de Itajaí. A apresentação conta com elementos de dança, teatro e performance. A atração é um trabalho de dança contemporânea em diálogo com a arquitetura, pesquisa desenvolvida pela bailarina e arquiteta Lídia Abreu. A entrada é limitada e franca. A indicação é para maiores de 14 anos.

‘Dentre’ é apresentado em espaços arquitetônicos históricos para pensar sobre a memória, o patrimônio e a ruína. Além de Lídia, a Karma Coletivo é formada pelos artistas Leandro Cardoso e Mauro Filho. A pesquisa coletiva tem foco em conceitos como dramaturgia expandida, fisicalidade e presença.

A apresentação faz parte do o Programa de Integração e Descentralização da Cultura (IDC), promovido pelo Governo do Estado de Santa Catarina, que tem como foco a circulação da cultura catarinense de forma gratuita para a população.

Continue Lendo

Variedades

Festival de Dança da Unesc vai reunir mais de 800 bailarinos a partir de sexta-feira em Criciúma

Publicado

em

Ouça esta matéria

A partir de sexta-feira (04/11) a dança vai invadir a cidade de Criciúma e trazer toda a emoção de volta aos palcos com a apresentação de 100 coreografias nas categorias infanto-juvenil e sênior. É o 21º Unesc em Dança, que vem recheado de novidades, no evento que ocorre até domingo (6/11) no Teatro Municipal Elias Angeloni e na Universidade, com visitantes de várias cidades do estado de Santa Catarina e do Rio Grande do Sul no Festival que é gratuito e aberto a toda a comunidade. 

A iniciativa contará ainda com mais de 800 bailarinos, de 46 grupos de danças envolvidos, e com a contribuição de 60 coreógrafos. Para a reitora Luciane Bisognin Ceretta, isso é motivo de orgulho pela grandiosidade e relevância que tem para a Instituição, como formação de público e de profissionais da arte em específico na linguagem da dança.

“Isso é reflexo de um time que conduz uma proposta em uma Universidade que é de todos, que é da comunidade, que une ciência, ensino e pesquisa com arte, com a cultura, com a dança. O desenvolvimento de uma região também se analisa e se verifica quando os investimentos em cultura são realizados. Por isso, temos como eixo fundamental os investimentos nesta área”, comenta a reitora.

No primeiro dia de programação, o Unesc em Dança contará com Talk Show com convidados especiais que vão levar conhecimento e descontração aos participantes, a partir das 19h na Instituição. No sábado, às 19h, será a abertura oficial no Teatro. Oficinas também fazem parte do Festival. As apresentações de dança terão gêneros, como Ballet Clássico de Repertório, Ballet Clássico Livre, Dança Moderna e Contemporânea, Jazz, Danças Urbanas e Danças Populares. 

Conforme a coordenadora do Setor Arte e Cultura da Unesc, Amalhene Baesso Reddig, o objetivo do evento é apresentar o panorama da dança, sob o aspecto não competitivo, buscando o aprimoramento técnico e artístico, garantindo o caráter didático pedagógico e contribuindo para o fortalecimento da linguagem da dança, formação de plateia e valorização da arte e da cultura.

“O Festival tem esse intuito de socializar os muitos trabalhos em dança desenvolvidos na região Sul e de outras regiões. Sabemos que muitos bailarinos e coreógrafos estão aguardando esse momento com muita intensidade para voltar a se apresentar. Optamos por continuar o Festival não competitivo, por acreditar e defender que todos podem qualificar cada vez mais suas propostas quando participam no grande palco e são observados por profissionais renomados que emitem pareceres descritivos”, enfatiza Amalhene.

Grupo de Sombrio participa há 14 anos do Festival

Participando há 14 anos, a Cia. De Dança Liberty, de Sombrio, está na expectativa para mais esta edição. “O evento é um dos maiores e mais importantes festivais de dança da nossa região, ele dá oportunidade de mostrar o trabalho desenvolvido pelos grupos, escolas e Cias, além de promover a troca de experiência entre os participantes”, enfatiza a coreógrafa Taiani Krás Borges.

Segundo ela, a vivência artística, o processo criativo, o entendimento de um espetáculo e a experiência de estar no palco de um teatro municipal são de extrema importância. “Para nós, coreógrafos, é a oportunidade de mostrar o trabalho desenvolvido, além de poder participar dos cursos, fornecidos gratuitamente aos participantes”, comenta ela. 

O grupo vai apresentar quatro coreografias: A fazendinha da Jessie (baby); As diferenças que nos unem (Teen); Floresta Encantada (sênior); e Para não dizer que não falei das Flores (Teen).

Oficinas e apresentações

As oficinas e mostras serão realizadas no Teatro Municipal, no sábado e domingo. Para o produtor cultural da Unesc, Maxwell Sandeer Flôr, ao ser promovido por uma Universidade, o Unesc em Dança tem uma grande preocupação com a formação dos grupos de dança e a avaliação de áudios dos cinco jurados que serão entregues aos coreógrafos e bailarinos servirão para aprimorar seus trabalhos. 

O Unesc em Dança é viabilizado pela Lei de Incentivo à Cultura, com patrocinadores das empresas Giassi Supermercados, Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE), Anjo Tintas, SETEP Construções e Bistek Supermercados. A realização é da Unesc, Secretaria Especial de Cultura, Ministério do Turismo e Governo Federal.

Continue Lendo

Mais vistos

© Copyright 2007-2022 sulnoticias.com