Conecte-se conosco

Política

Ponte na comunidade do Rio Jordão vai receber obra de duplicação

Publicado

em

O Governo de Siderópolis autorizou, nesta quarta-feira (15/05), o início da obra para duplicação da “ponte João Fontanella”, na Rodovia Padre Herval Fontanella, localizada na comunidade de Rio Jordão Baixo. O ato da assinatura da Ordem de Serviço aconteceu no restaurante Nono Augustinho. A obra, sobre o Rio Mãe Luzia, será executada pela empresa Araújo Construções, por meio de recursos provenientes de emenda parlamentar do deputado estadual Júlio Garcia, no valor de R$ 1 milhão, além de contrapartida do município no valor de R$ 199 mil.

Conforme o responsável pela Construtora, Vilmar Araújo, a obra deve ser entregue de 90 a 120 dias, a depender das condições climáticas. Inaugurada em 1986, a ponte, com dimensões de 50 metros de comprimento por 4 de largura, também contará com passeio para pedestres, visando garantir maior segurança e acessibilidade do local que recebe grande fluxo diário de veículos e pedestres.

A diretora da Escola Miguel Lazzarin, Suzana Cambruzzi Olivo, aponta que a duplicação traz segurança, principalmente para os estudantes que trafegam pelo local todos os dias. “Cerca de 70% dos nossos estudantes passam pelo local e priorizar a segurança deles é primordial. A obra dará mais tranquilidade aos pais e também professores”, afirmou

A diretora ainda lembra que na enxurrada de outubro de 2023, quando a ponte precisou ser interditada, foi necessário criar uma operação logística para transporte dos alunos. “Nós tivemos bastante trabalho. No domingo criamos uma rota alternativa para trazê-los do sentido do Centro de Siderópolis por Nova Veneza. Isso aumentou muito o percurso até a Escola. E agora, com a duplicação, nós estamos mais tranquilos”, relembrou.

O morador da comunidade, Milton Fontanela, de 71 anos, comemora o início da obra. “Essa duplicação é muito boa para a nossa comunidade. É o desenvolvimento do Jordão. Aqui é muito movimentado, e hoje, precisamos esperar quem vem no sentido contrário: um para depois passar o outro, o que gera muito tumulto”, comentou.

O prefeito de Siderópolis, Franqui Salvaro, a obra será importante para o fluxo de veículos que trafegam pela comunidade, tanto dos moradores locais, quanto dos turistas. “Aqui tem muitos caminhões que circulam, o que dificulta o trânsito por ser uma ponte simples. Por isso pensamos em duplicar. É um investimento válido para a comunidade do Jordão, para Siderópolis, isso vem contribuir com o nosso desenvolvimento”, analisou o prefeito.

Política

Lira diz que PL do Aborto será votada no segundo semestre

Publicado

em

Depois de toda a repercussão, o PL do Aborto vai ficar para o semestre que vem. Decisão anunciada pelo presidente da Câmara, Arthur Lira, nessa terça-feira (18). Lira que, na semana passada, defendeu a urgência da proposta, aliás pautou e permitiu a votação e aprovação do requerimento de urgência. Agora, depois de reunião de líderes e com outras bancadas, anunciou o adiamento das discussões para o segundo semestre, depois do recesso parlamentar, sem pressa, segundo ele, que anunciou também que vai criar uma comissão representativa.

Ainda sem detalhes, no entanto, de como vai funcionar essa comissão representativa. Lira afirmou que isso tudo vai ser visto depois do recesso, sem data para ocorrer. Disse ainda que as decisões da Casa não são monocráticas, tudo é feito de maneira colegiada. Mas ele foi bem claro ao dizer que não haverá retrocessos.

É o PL que equipara o aborto após 22 semanas a homicídio, inclusive em caso de estupro. Hoje a lei permite a interrupção da gravidez em três casos, estupro, risco de vida para a mulher ou quando há anencefalia fetal sem tempo máximo para a realização do procedimento. Foram muitas as repercussões, protestos nas ruas, dentro e fora do Congresso. Isso tudo vai ficar para depois, segundo Lira.

Continue Lendo

Política

Morro da Fumaça tem lei que proíbe fogos de estampidos e artefatos pirotécnicos com ruídos

Publicado

em

A Câmara Municipal de Morro da Fumaça aprovou por unanimidade o Projeto de Lei nº 03/2023, de autoria da vereadora Silvana de Vasconcelos (PL), que proíbe o manuseio, a utilização, a queima e a soltura de fogos de estampidos e de artifícios, assim como de quaisquer artefatos pirotécnicos de efeito sonoro com ruídos no município.

O projeto foi sancionado, como Lei nº 2.400/2024, de 08 de abril de 2024. “Esta é uma medida crucial para o bem-estar de nossos cidadãos e para a proteção dos animais, especialmente aqueles sensíveis aos ruídos causados pelos fogos de artifício”, destaca a autora do projeto, vereadora Silvana de Vasconcelos (PL).

A proibição abrange tanto recintos fechados quanto abertos, áreas públicas e locais privados, reforçando o compromisso com a segurança e a tranquilidade da comunidade. “É importante ressaltar que a legislação não proíbe completamente os fogos, mas apenas aqueles que produzem estampidos ou barulhos ruidosos. Fogos de vista, que produzem efeitos visuais sem barulho, estão fora dessa proibição”, esclarece a vereadora.

Com a sanção da lei, o Poder Executivo municipal está autorizado a regulamentá-la, garantindo sua efetiva aplicação e cumprimento. “Agora, mais do que nunca, é hora de celebrar de forma consciente e respeitosa. É possível também celebrar sem perturbar o sossego público e o bem-estar dos animais”, conclui Silvana de Vasconcelos (PL).

Continue Lendo

Política

Em Brasília, Salvaro busca mais recurso para continuidade do Canal Auxiliar

Publicado

em

O Prefeito Clésio Salvaro cumpriu agenda na capital federal nesta quarta-feira (12). Ele busca liberar cerca de R$ 18 milhões em recursos do Novo PAC para a realização do prolongamento do Canal Auxiliar de Criciúma, uma obra de grande importância na prevenção de enchentes no município. O prefeito esteve no Ministério das Cidades e no Ministério do Desenvolvimento Regional. Os dados do projeto da obra estão com o Governo Federal em fase final de análise técnica para a liberação do recurso. As agendas em Brasília tiveram a intermediação do deputado Rodrigo Minotto e da deputada Geovania de Sá.

Além disso, o prefeito também esteve com o senador Esperidião Amin e no gabinete da deputada Júlia Zanatta, convidando-os para a inauguração da UPA da Boa Vista. A deputada destinou recursos para a compra do Raio X.

Continue Lendo

Mais vistos

© Copyright 2007-2024 sulnoticias.com